Home Cidades Casos de coronavírus disparam e já são quase 3 mil na região

Casos de coronavírus disparam e já são quase 3 mil na região

O máximo em 24 horas eram 169; nesta sexta foram 435 novos infectados
by Pedro Heiderich

O recorde de casos de coronavírus em um dia na região era, até quinta-feira (2), de 169 casos. Nesta sexta, a região atingiu novo recorde disparado de novos registros em um dia: foram 435. O aumento aproxima a região dos 3 mil infectados: são 2.985 casos. Americana teve mais uma morte e Sumaré duas, totalizando 149 óbitos nas cinco cidades. Americana e Santa Bárbara d’Oeste também registraram recordes de casos em apenas um dia. 

O 31° óbito por Covid-19 em Americana é um homem de 63 anos, do São José, que faleceu no dia 23 de junho no Hospital Municipal Dr. Waldemar Tebaldi, onde ficou internado por oito dias. Ele tinha comorbidades. 

Dos 163 novos casos em Americana, 23 estão curados, 136 estão isolados e quatro internados em hospitais particulares: um homem de 47 anos, do Nova Carioba; um de 55, do Vale das Paineiras; outro de 55, do Parque Gramado; e um de 59, do Cidade Jardim. 

Americana tem 47 novos casos suspeitos, com dois internados em hospitais particulares, uma mulher de 54 anos, do Zanaga, e um homem de 48, do São Jerônimo. 

A cidade já contabiliza 639 casos (15 internados e 432 curados) e 164 casos suspeitos (seis óbitos e 26 internados). 

Sumaré registrou mais duas mortes e 81 casos. As vítimas são um homem de 69 anos, com comorbidade, que morreu na quinta (2), e outro de 72 anos que morreu hoje. 

Ambos estavam internados na UPA (Unidade de Pronto-Atendimento) Macarenko. Sumaré chegou a 884 infectados (645 curados, 48 óbitos e 30 internados) e investiga 396 casos (65 internados e 13 óbitos). 

Santa Bárbara d’Oeste registrou 173 casos, indo a 662 infectados (432 curados e 22 óbitos). São 838 suspeitas. 

Hortolândia registrou 14 casos e tem 652 infectados, sendo 551 curados, 35 óbitos e 18 internados fora do município (12 em Unidade de Terapia Intensiva), três internados na Unidade Respiratória e um em UTI do Hospital Municipal Mário Covas. São investigados 274 casos, com 29 internados em outras cidades (21 em UTI), 12 na unidade respiratória e cinco em UTI no Hospital Municipal Mario Covas. 

Nova Odessa confirmou quatro novos casos e chegou a 141 infectados, com 35 curados e 13 mortes. Dois dos novos infectados moram no Jardim Santa Rosa: dois homens, de 51 e 79 anos. Além deles, testaram positivo uma mulher de 47 anos, do Jardim Europa, e um homem de 54 anos, do Jardim Santa Luiza. Até as 15h de dessa sexta, oito pacientes estavam internados na Unidade Respiratória do Jardim Alvorada. Um deles estava entubado. Nova Odessa investiga 50 casos (dois mortes). 

EM NOVA ODESSA ATENDIMENTOS QUASE DOBRAM 

Em três semanas, o número de testes rápidos para diagnóstico de casos de contaminação pelo novo coronavírus aumentou 117,4% em Nova Odessa, de acordo com balanço divulgado nesta sexta-feira (3) pela Secretaria de Saúde. O volume de atendimentos na Unidade Respiratória do Jardim Alvorada cresceu 96,2% e a demanda de internações e outros procedimentos, como raio-X e tomografia, também disparou. 

  • Facebook
  • Twitter
  • LinkedIn
  • Pinterest

UNIDADE RESPIRATÓRIA | Em três semanas, alta de 96,2% nos atendimentos (Foto: Divulgação | Prefeitura de Nova Odessa)

Segundo a Secretaria de Saúde, desde a abertura da Unidade Respiratória, em 23 de abril, 1.962 pessoas foram atendidas no espaço estruturado para dar atenção exclusiva a pacientes com doenças respiratórias e sintomas de gripe ou contaminação por Covid-19. 

O recorde diário foi registrado em 15 de junho, com 81 atendimentos em 24 horas. Na última semana, entre 26 de junho e hoje, foram 414 pessoas atendidas. Nos primeiros 54 dias de funcionamento da unidade, foram registrados mil atendimentos. 

A quantidade de testes rápidos saltou de 86 para 187, conforme o levantamento (os testes de detecção rápida de anticorpos são aplicados em profissionais de saúde, pacientes com quadro grave e integrantes de grupo de risco com sintomas da doença). 

Foram 92 tomografías de tórax ante 45 procedimentos realizados entre 23 de abril e 15 de junho. O número de exames de raio-X também quase dobrou: a secretaria, que havia contabilizado 67 procedimentos no primeiro balanço, agora totaliza 128 pacientes radiografados. 

O número de internações subiu 64,7%, saindo de 51 para 84 pacientes em 72 dias de operação do Centro de Combate ao Coronavírus.

Sugestões

Deixe um comentário

Pin It on Pinterest

Share This