Home Especiais Chevrolet Equinox e Jeep Compass disputam segmento que vai esquentar em 2021

Chevrolet Equinox e Jeep Compass disputam segmento que vai esquentar em 2021

by Folhapress

Depois que os utilitários esportivos compactos dominaram boa parte do mercado, o segmento acima deles promete esquentar no ano que vem. 

Hoje ele é dominado pelo Jeep Compass, que só neste ano já vendeu mais de 33 mil unidades. Outra opção na mesma faixa de preço é o Chevrolet Equinox que, importado e mais caro, conseguiu apenas pouco mais de 4.000 vendas até setembro. 

O Jeep tem versões a partir de R$ 128.790, mas a reportagem testou a versão Longitude, de R$ 142.490 para encarar o Equinox, que começa em R$ 139.490. 

O Compass feito em Pernambuco tem motor 2.0 flex de até 166 cv de potência acoplado a uma transmissão automática de seis marchas. 

Tem um bom desempenho, mas a concepção mais antiga cobra no consumo na faixa dos 7 km/l com etanol no tanque. 

O Equinox mexicano é mais moderno. 

Usa um 1.5 turbinado de 172 cv de potência e roda somente com gasolina, o que favorece o gasto de combustível com média de 11 km/l durante o teste da reportagem. 

Além disso, o SUV da GM anda melhor que o rival, tem bom acerto de suspensão e é mais silencioso. 

O porte dá vantagem ao Chevrolet. Com distância entre-eixos 9 cm maior, o banco traseiro do Equinox recebe melhor três adultos. O porta-malas dele tem 468 litros contra os 410 do Jeep. 

ACABAMENTO 

A resposta do Compass é no acabamento caprichado e no fato de ter produção local, que pode baratear a manutenção e perder menos valor na revenda. 

Ambos trazer seis airbags, controles de tração e estabilidade, central multimídia com sistemas Android Auto e Apple Carplay, entre outros equipamentos. 

Mas, nos dois casos, talvez valha a pena esperar. O Jeep deve ganhar novo motor turbo e o Equinox terá um facelift em breve. Também são esperados novos concorrentes 

TAOS E COROLLA CROSS ENTRAM NO JOGO  
  • Facebook
  • Twitter
  • LinkedIn
  • Pinterest

VOLKS | Taos vai entrar no segmento onde estão Jeep Compass e Chevrolet Equinox (Foto: Divulgação)

A partir de 2021, Jeep Compass e Chevrolet Equinox não estarão mais sozinhos. 

A Volkswagen apresentou na última semana o Taos, SUV que terá motor 1.4 turbo (150 cv) e câmbio automático de seis marchas. 

O modelo será produzido na Argentina e sua estreia está prevista para o início de 2021. 

Com aproximadamente 4,5 metros de comprimento, o novo utilitário esportivo deverá custar entre R$ 130 mil e R$ 160 mil. Todas as versões serão equipadas com seis airbags e sistema de som que se conecta a smartphones, além de direção com assistência elétrica e ar-condicionado. 

O Taos deve chegar às lojas pouco antes de um concorrente de respeito que está sendo desenvolvido pela Toyota. 

O SUV de origem japonesa já foi apresentado em alguns mercados como Corolla Cross, mas o nome ainda não foi confirmado para o Brasil. 

O modelo da Toyota será produzido em Sorocaba (SP) e terá motor 2.0 flex (177 cv). 

Haverá também a opção híbrida, que pode ser movida a eletricidade em trechos curtos. 

As vendas devem começar no primeiro semestre do próximo ano. 

Embora a marca ainda não tenha divulgado informações oficiais do SUV, é possível prever que seus preços serão semelhantes aos do Taos. 

Nesse quesito, o Compass leva vantagem. 

O modelo da Jeep é produzido em Goiana (PE) e beneficiado por incentivos fiscais concedidos a montadoras instaladas na região Nordeste. 

Com isso, a fabricante pode ser mais agressiva em sua estratégia de mercado. 

Sugestões

Deixe um comentário

Pin It on Pinterest

Share This