Home Cidades Comandante da PM vai assumir novo cargo no governo de João Doria

Comandante da PM vai assumir novo cargo no governo de João Doria

Tenente Coronel Mauro Luchiari Jr., que comanda PM em toda a região, será chefe de Gabinete da Casa Militar na gestão tucana
by tododia

O Tenente Coronel PM Mauro Luchiari Junior, atual comandante do 19º BPMI (Batalhão da Polícia Militar do Interior), responsável pelo policiamento nas cidades de Americana, Santa Barbara DOeste, Cosmópolis, Artur Nogueira e Engenheiro Coelho, está deixando a função para assumir a chefia de Gabinete da Casa Militar no governo de João Doria (PSDB).

Luchiari recebeu o convite há duas semanas do futuro chefe da pasta, Coronel Walter Nyakas Junior, anunciado pelo governador eleito no dia 26 de novembro.

“O convite foi uma surpresa. Fiquei muito satisfeito por ter sido lembrado pelo Coronel e feliz por ele acreditar no meu perfil profissional para o cargo”, disse Luchiari ontem pela manhã.

Oficialmente, Luchiari deixa no final deste mês o comando do 19º BPMI, que ele assumiu em 6 de janeiro de 2016. O Tenente foi o primeiro americanense a assumir o posto.

Quem assume a função em Americana interinamente é o subcomandante Major Rogério Nascimento Takiuchi, que já assumiu o 19º na ausência de Luchiari. Ele fica no comando até maio, quando será promovido. Depois disso, o cargo fica vago até a escolha de um novo comandante.

Efetivamente, Luchiari assume a chefia de gabinete no dia 1º de janeiro, mas já está trabalhando na transição do governo.

Durante entrevista ao TODODIA ontem, o Tenente Coronel estava viajando para São Paulo para participar da reunião do planejamento da segurança para a posse de João Doria no dia 1º de janeiro.

Segundo ele, suas funções na Casa Militar serão fazer a interface com as secretarias de governo, e organizar e planejar a segurança física do governador João Doria, de sua família e do vice-governador, Rodrigo Garcia (DEM), além de seus familiares.

Além disso, a pasta é responsável pela segurança do Palácio do Governo e imediações, mantendo um efetivo de policiais militares que respondem à chefia da Casa Militar.

“No caso do futuro governador, ele não irá morar no Palácio, vai continuar residindo na casa dele. Aí, temos que planejar um efetivo específico para esse deslocamento diário dele”, comentou, lembrando que a pasta também é responsável pela segurança de Doria nas viagens terrestres ou aéreas no país e no exterior.

O oficial tem mais de 30 anos de atividades na corporação, já trabalhou em várias unidades, além de Americana, como São Paulo, Piracicaba, Sumaré, além da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo.

 

 

Sugestões

Deixe um comentário

Pin It on Pinterest

Share This