Home Cidades Covid: recorde de mortes na região

Covid: recorde de mortes na região

Foram 11 óbitos nas cinco cidades, a maioria – sete – em Sumaré, além de mais 143 casos positivos de coronavírus
by Pedro Heiderich

Com 11 mortes, a região bateu ontem o recorde de vítimas fatais em um único dia. Foram sete óbitos em Sumaré, dois em Hortolândia, um em Americana e outro em Santa Bárbara. Além disso, foram confirmados mais 143 casos. A região tem 2.196 infectados e 127 mortes, além de 14 mortes suspeitas. Até a noite de sexta-feira (26) eram 1.939 casos, com 115 mortes. 

Nova Odessa registrou no sábado a 10ª morte por coronavírus, de um homem de 67 anos, com comorbidades, que estava internado em hospital particular de Americana e morreu na sexta. 

Hortolândia e Sumaré lideram em casos e mortes na região. Sumaré se aproximou de 700 infectados e Hortolândia, dos 600. Americana e Santa Bárbara ultrapassaram os 400 casos e Nova Odessa já tem mais de 100. 

Sumaré bateu o recorde de mortes por coronavírus em um dia no município. Com mais sete óbitos e 25 novos infectados, a cidade agora tem 43 mortes e 684 casos (570 curados). 

Quatro das vítimas tinham comorbidades. Três estavam no Hospital Estadual Sumaré: uma mulher de 69 anos, que morreu na sexta (26); um homem de 53 que faleceu sábado (27); e mulher de 75 anos que morreu domingo (28). A outra vítima fatal, uma mulher de 65 anos, morreu sábado, na UPA (Unidade de Pronto-Atendimento) Macarenko. 

As outras três mortes são a de um homem de 76 anos, no último dia 20, que estava no Hospital de Paulínia; uma mulher de 58, que morreu sábado; e um homem de 34 anos, que faleceu domingo. Os dois últimos estavam na UPA Macarenko. 

A maioria dos casos positivos é de moradores da região central, 146, seguido do Matão, 138. 

Além das duas mortes, Hortolândia teve mais 13 casos. As duas vítimas fatais tinham comorbidades. Uma delas é uma mulher de 63 anos, que foi internada na Unidade Respiratória do Nova Hortolândia no último dia 17 e faleceu domingo (28). A outra é uma mulher de 65 anos, internada dia 11 de junho no Hospital Beneficência Portuguesa, em Campinas, que faleceu oito dias depois. 

Hortolândia tem 565 casos confirmados, sendo 438 curados. Aguardam resultados 202 casos, sendo 160 em isolamento e o restante internado. 

Em Americana, o 24º óbito foi de um homem de 59 anos, do Jardim Boer, que faleceu no dia 22 de junho, no Hospital Municipal Dr. Waldemar Tebaldi. Ele tinha diabetes e hipertensão, e era considerado óbito suspeito. 

Americana registrou mais três mortes suspeitas: um homem de 63 anos, do Jardim Brasil, faleceu sábado (27) e tinha diabetes e hipertensão; uma mulher de 58 anos, do Jardim dos Lírios, faleceu segunda e tinha hipertensão arterial; e uma idosa de 94 anos, do Frezzarin, também morreu nesta segunda e tinha doença cardiovascular crônica. Todos estavam internados no hospital municipal. 

O boletim traz 25 novos casos (seis curados, 14 em isolamento e cinco internados). São também 25 novas suspeitas (20 em isolamento e cinco internados em hospitais particulares). 

Americana tem 424 casos positivos (24 óbitos, 14 internados, 36 em isolamento e 350 curados). Aguardam resultados 147 casos, sendo seis óbitos. 

A 19ª morte em Santa Bárbara d’Oeste, que passou de 400 casos, foi de uma mulher de 69 anos, moradora da região do Planalto do Sol, que faleceu no sábado (27). São 416 infectados, sendo 220 curados, além de outros 26 casos confirmados na cidade de moradores de outros municípios. 

Entre sábado e segunda foram registrados mais 75 casos na cidade, que ainda tem 738 suspeitas. A região com mais casos é a do Esmeralda e Cidade Nova, com 75 (cinco mortes). 

Nova Odessa registrou mais cinco casos. De acordo com a Secretaria de Saúde, três estão internados. O município totaliza 107 pessoas contaminadas (dez mortes e 35 curados). 

Testaram positivo e estão internados em UTIs na região um homem de 43 anos, do Jardim das Palmeiras, e um homem de 80 anos, do Jardim São Manoel. Completam a lista um homem de 69 anos, do Jardim Éden, internado em hospital particular, e duas mulheres, uma de 49 anos, do Residencial Lopes Iglesias, e outra de 54, do Jardim Santa Rosa, que estão bem e cumprem isolamento em casa. 

Nova Odessa investiga 43 casos (dois óbitos) e acompanha 182 pacientes com gripe. 

SAIBA MAIS 

Campinas registrou mais 821 casos e cinco mortes e agora totaliza 7.848 infectados, com 296 óbitos. Limeira registrou mais quatro mortes e tem 1.396 infectados (66 óbitos). Piracicaba registrou 182 casos e três mortes, e agora tem 2.717 casos confirmados, com 92 vítimas fatais. 

Sugestões

Deixe um comentário

Pin It on Pinterest

Share This