Home Cultura ‘Globo de Ouro’ consagra os melhores

‘Globo de Ouro’ consagra os melhores

Evento que ocorreu em Los Angeles neste domingo premiou os destaques na TV e cinema no último ano
by Denis Carvalho

A cerimônia da 77ª edição do Globo de Ouro, realizada na noite do último domingo (5), no Beverly Hilton Hotel, em Los Angeles, entregou as estatuetas dos vencedores nas 25 categorias da premiação. 

Organizada pela HFPA (Associação de Imprensa Estrangeira de Hollywood), a festa teve pela quinta vez o comediante britânico Ricky Gervais como anfitrião, com a sua já conhecida – e temida – acidez. 

Sobrou até para os conglomerados de comunicação que produziram a maioria dos filmes e séries indicadas da noite, como Disney e Amazon. Ricky pediu para que os artistas não fizessem do discurso de agradecimento um palanque político, que seria contraditório a exploração e os valores destas oligarquias. 

POSICIONAMENTO 

Logo de cara, na entrega do primeiro prêmio, a atriz Jennifer Aniston leu uma mensagem enviada pelo ator Russell Crowe, caso vencesse a disputa na categoria “melhor ator em minissérie ou filme para TV”, por “The Loudest Voice”, como de fato aconteceu. O ator, que mora na Austrália, disse que não pôde ir a cerimônia, pois estava lutando por sua família com os recorrentes incêndios que estão acontecendo no país. 

O ator Joaquin Phoenix, que levou o prêmio de “melhor ator de filme de drama”, por “Coringa”, ainda fez questão de parabenizar a HFPA por servirem somente comida vegana na premiação, fazendo a conexão da atitude não só com a causa animal, mas como isso está vinculado com as mudanças climáticas e o aquecimento global que está causando os incêndios na Austrália. 

A atriz Michelle Williams, vencedora do prêmio de “melhor atriz em minissérie ou filme para TV”, por “Fosse/Verdon”, ainda destacou a luta das mulheres por seus direitos em seu discurso. O bombardeio ao Iraque, que vitimou o líder revolucionário iraniano Qassim Soleimani, também foi condenado no discurso de Patricia Arquette, vencedora na categoria de “melhor atriz coadjuvante em minissérie ou filme para TV”. 

ESPECIAIS 

Além das categorias tradicionais, o Globo de Ouro também entrega outros prêmios especiais durante sua cerimônia. 

Homenageando a sua trajetória e impacto, tanto na indústria do cinema e da TV quanto na audiência, a comediante e apresentadora Ellen DeGeneres recebeu o prêmio Carol Burnett. Ela recebeu o prêmio das mãos da também comediante Kate McKinnon, do Saturday Night Live, que fez um discurso emocionado de como a trajetória de Ellen influenciou a sua vida, especialmente após ela ter apresentado a primeira personagem a se revelar homossexual na TV americana em seu sitcom “Ellen”, em 1997. Em seu discurso, Ellen agradeceu e contou um pouco da sua história, de toda represália que sofreu por conta da atitude e como deu a volta por cima, motivando milhares de pessoas ao redor do mundo a fazer o bem em seu talk-show. 

Já o prêmio Cecil B. deMille, que homenageia anualmente as contribuições de um artista no mundo do entretenimento, este ano foi para Tom Hanks, que discursou também de forma emocionada – e com uma leve gripe. 

SURPRESAS 

O longa “O Irlandês”, de Martin Scorsese, acabou deixado pra trás na categoria de “melhor filme de drama” e “melhor diretor”, ambos vencidos por “1917”, dirigido por Sam Mendes. 

Brad Pitt desbancou grandes nomes para levar a estatueta de “melhor ator coadjuvante”, pelo filme “Era Uma Vez em Hollywood”, de Quentin Tarantino – levou ainda “melhor roteiro” e “melhor filme musical ou comédia”. Ele derrotou Al Pacino, Joe Pesci, Anthony Hopkins e Tom Hanks. 

CONFIRA A LISTA COMPLETA DOS VENCEDORES EM TODAS AS CATEGORIAS DA 77ª EDIÇÃO DO GLOBO DE OURO

Filme de drama
“1917”

Ator de filme de drama
Joaquin Phoenix, “Coringa”

Atriz de filme de drama
Renee Zellweger, “Judy”

Filme de comédia ou musical
“Era Uma Vez em Hollywood”

Ator de filme comédia/musical
Taron Egerton, por “Rocketman”

Atriz de filme comédia/musical
Awkwafina, por “A Despedida”

Diretor de filme
Sam Mendes, por “1917”

Ator coadjuvante
Brad Pitt, por “Era Uma Vez em Hollywood”

Atriz coadjuvante
Laura Dern, por “História de um Casamento”

Animação
“Link Perdido”

Filme estrangeiro
“Parasita”

Roteiro de filme
Quentin Tarantino, por “Era Uma Vez em Hollywood”

Trilha sonora
Hildur Gudnadóttir, “Coringa”

Canção
“(I’m Gonna) Love Me Again”, de “Rocketman”

Série de drama
“Succession”

Série de comédia
“Fleabag”

Ator de série de drama
Brian Cox, por “Succession”

Atriz em série de drama
Olivia Colman, por “The Crown”

Ator em série comédia/musical
Ramy Youssef, por “Ramy”

Atriz em série comédia/musical
Phoebe Waller-Bridge, por “Fleabag”

Ator em minissérie/filme para TV
Russell Crowe, por “The Loudest Voice”

Atriz em minissérie/filme para TV
Michelle Williams, por “Fosse/Verdon”

Ator coadjuvante em minissérie/filme para TV
Stellan Skarsgård, por “Chernobyl”

Atriz coadjuvante em minissérie/ filme para TV
Patricia Arquette, por “The Act”

Minissérie ou filme para TV
“Chernobyl”

ESPECIAIS

Carol Burnett
Ellen Degeneres

Cecil B. deMille
Tom Hanks

Sugestões

Deixe um comentário

Pin It on Pinterest

Share This