Home Cidades Guarda de Americana entrega CT

Guarda de Americana entrega CT

Centro de Treinamento Tático, que teve investimento de R$ 30 mil, está localizado na Praia dos Namorados
by Claudete Campos

Com investimento de cerca de R$ 30 mil, a Gama (Guarda Municipal de Americana) entregou o Centro de Treinamento Tático dos agentes, às margens da Represa de Salto Grande, na Praia dos Namorados, em Americana, na tarde desta quarta-feira (25). A corporação entrará no seleto grupo que tem centros deste tipo. Na região, apenas Campinas, Valinhos e Paulínia dispõem de um equipamento semelhante, informou o coordenador da Academia da Guarda, Hariel Mikolay.

O diretor da Guarda, Marcos Guilherme, disse que a entrega foi uma prestação de contas da gestão Omar Najar (MDB). Segundo ele, o estande de tiro oferece autonomia para realizar a capacitação dos patrulheiros, que precisa ser anual, o que é uma exigência do Estatuto do Desarmamento.

Segundo Marcos Guilherme, a área de 22,5 mil metros quadrados permite simulações de operações com reféns, entre outras, além de o estande com 500m² e quatro baias poder ser cedido para uso das polícias Civil e Militar. “O espaço é bem amplo e poderá ser usado para treinamento das forças policiais da região”, disse o comandante.

Treinamentos táticos-físicos e do GPA (Grupamento de Proteção Ambiental) poderão ser feitos no espaço, além de ações com armas de airsoft e com escudos balísticos.

Mikolay disse que o estande vai dar autonomia no treinamento e aperfeiçoamento dos 314 guardas, que vão treinar os tiros a partir de uma escala de revezamento. Serão feitos procedimentos técnicos e táticos na área.

Presente ao evento, o Guarda Scarazatti resumiu o pensamento geral. “O sentimento é de gratidão”, disse. O guarda Dorcilio reforçou: “Para nós, é motivo de orgulho estar conquistando um espaço desse aqui”.

Foi o guarda Eliezer, de Santa Bárbara d’Oeste, que também é engenheiro, que fez o projeto. E os guardas colocaram a mão na massa para executar a obra. Os instrutores de tiro comentaram a felicidade de ajudar na construção, que seguiu as especificações técnicas definidas pela legislação.

Os recursos foram públicos, privados e do DAE (Departamento de Água e Esgoto). No auge do turismo na região, na década de 80, o terreno abrigava um camping.

Sugestões

Deixe um comentário




Enter Captcha Here :

Pin It on Pinterest

Share This