Home Cidades Leitinho analisa convênio para ter Bombeiros

Leitinho analisa convênio para ter Bombeiros

Leitinho recebeu em seu gabinete, o comandante do 16º Grupamento de Bombeiros do Interior, tenente coronel Harley Washington Ferreira, e o vereador Professor Antonio (PSD), para discutir o assunto
by Da Redação

O prefeito de Nova Odessa, Cláudio José Schooder, o Leitinho (PSD), avalia a possibilidade de um convênio entre a prefeitura e o governo do estado para a viabilização de um quartel do Corpo de Bombeiros na cidade, o que, segundo a prefeitura, pode acontecer no ano que vem.

Leitinho recebeu na segunda-feira (1º), em seu gabinete, o comandante do 16º Grupamento de Bombeiros do Interior, tenente coronel Harley Washington Ferreira, e o vereador Professor Antonio (PSD), para discutir o assunto. Também participaram da conversa o chefe de Gabinete da prefeitura, coronel Carlos Fanti, e o sub-comandante do Grupamento do Corpo de Bombeiros do estado, capitão Marcelo Catelani.

Nova Odessa conta hoje com um grupo de bombeiros voluntários, sem vínculo com a corporação ou com o município, e com equipes para resgate e remoção de feridos leves da Secretaria de Saúde – além da equipe da Defesa Civil Municipal. Casos mais graves, no entanto, demandam o acionamento da corporação estadual, cuja unidade mais próxima fica sediada em Americana.

Segundo o tenente coronel Harley, pelo porte da cidade, há duas possibilidades: uma unidade com 15 bombeiros estaduais e municipais efetivos, devidamente treinados na escola de formação do Corpo de Bombeiros do estado de São Paulo, com uma viatura para resgate; ou uma unidade local com 24 integrantes e duas viaturas, uma de resgate e uma para combate a incêndios.

Em ambos os casos, caberia ao município viabilizar um prédio para servir de sede da corporação, ou negociar com o governo do estado a utilização de uma área pública municipal ou estadual para a construção de um quartel local.

O custeio mensal (água, luz, alimentação, manutenção mecânica) ficaria a cargo da prefeitura, enquanto o estado pagaria salários e benefícios de seus próprios bombeiros. As viaturas também seriam destinadas pelo estado.

“Leva em média um ano para firmar o convênio, redigir as minutas, aprovar a legislação necessária na Câmara Municipal e implantar a unidade. Estamos falando, portanto, de 2022. Mas precisamos trabalhar em conjunto a partir de agora para colocar essa programação de etapas para andar já em 2021”, explicou o comandante regional – para quem “ser bombeiro não é um emprego, é uma carreira, tem que ter vocação”.

“É uma possibilidade muito interessante. Vamos sentar com as secretarias de Administração, Finanças e Assuntos Jurídicos para estudar a viabilidade neste momento. Mas um dia certamente vamos precisar ter uma base local do Corpo de Bombeiros do estado, porque nossa cidade está crescendo muito, nosso parque industrial também, e um quartel local garante agilidade no atendimento. É um projeto do nosso governo viabilizar essa parceria, porque a segurança da nossa população é uma das nossas prioridades, assim como salvar vidas”, garantiu o prefeito Leitinho.

“Em Nova Odessa, como em toda cidade, há muitos empresários que estariam dispostos a ajudar na implantação de uma unidade do Corpo de Bombeiros, porque isto reduz custos de seguros, por exemplo. Esta ajuda pode ser viabilizada através de um fundo de apoio”, apontou o vereador Professor Antonio.

HIDRANTES

Independentemente do resultado da análise, o tenente coronel Harley sugeriu ao prefeito e à Câmara adequações na legislação vigente para garantir o funcionamento da “lei do hidrante”, pela qual é exigido dos empreendedores privados que instalam empresas ou condomínios na cidade a doação deste tipo de equipamento à Coden Ambiental, para instalação no maior número possível de localidades, garantindo maior agilidade no combate a incêndios e queimadas.

“Isso vai melhorando a capacidade de atuação do Corpo de Bombeiros para não perdermos tempo parar reabastecer os caminhões. Tudo que discutirmos aqui hoje vai refletir na qualidade de vida da população da cidade”, completou o comandante Harley.

Sugestões

Deixe um comentário




Enter Captcha Here :

Pin It on Pinterest

Share This