Home Brasil + Mundo Massa de ar frio derruba temperatura em São Paulo

Massa de ar frio derruba temperatura em São Paulo

Previsão indica termômetros em baixa até domingo e sol na segunda
by Folhapress

Quem estava ansioso pela chegada do frio na cidade de São Paulo pode se preparar, pois ele promete não decepcionar nos próximos dias. Nesta quinta-feira (20) ele deu um aperitivo, mantendo o dia nublado e com a máxima não passando dos 17ºC, segundo o Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia).

De acordo com o CGE (Centro de Gerenciamento de Emergências), órgão ligado à prefeitura, esta sexta-feira (21) será mais gelada que o dia anterior, com os termômetros não passando dos 14ºC.

O dia seguirá bastante nublado e com chuva ao longo do dia em todas as regiões da cidade, em algumas até com mais intensidade.

A madrugada será ainda mais gelada, com a temperatura ficando abaixo dos 9ºC. E pode ser menor no extremo da zona sul da Capital, onde geralmente faz mais frio.

O sábado (22) seguirá com o mesmo panorama, não passando dos 14ºC. No domingo (23) a temperatura deve subir um pouco, chegando aos 17ºC, mas clima fará jus à fama de “São Paulo da garoa”.

Mas esse frio terá uma temporada bastante curta, pois na próxima semana a tendência é de que a temperatura volte a subir. A partir de segunda (24) o sol deve reaparecer e não há qualquer previsão de chuva, segundo o Climatempo. A elevação deve alcançar o “pico” na sexta, podendo bater na casa dos 33ºC.

Com previsão de neve, Sul já tem flocos e chuva congelada

Flocos de neve caindo do alto e pintando de branco por alguns instantes gramados, telhados e até parabrisas de automóveis foram vistos no Rio Grande do Sul na tarde desta quinta-feira (20).

Em São Francisco de Paula, na região dos Campos de Cima da Serra, os flocos de gelo foram registrados no início e no meio da tarde, ainda sem acúmulo. O fenômeno ocorreu simultaneamente com a chamada chuva congelada, quando a água congela ao tocar o solo. A floco de neve, por sua vez, é formado por cristais de gelo.

A previsão é que possa nevar na região e em outra localidades gaúchas, como São José dos Ausentes e Cambará do Sul, ao longo desta sexta-feira (21). A MetSul Meteorologia identificou chuva congelada também em cidades como Rio Grande, Santa Vitória do Palmar e em Nova Petrópolis.

“Com a queda da temperatura, caíram os flocos e a chuva congelada, que chamamos de quirera. Foram pancadas, mas pode se intensificar. A neve é uma caixinha de surpresas, porque às vezes esperamos em São Francisco, mas cai em Ausentes ou Cambará”, relata o turismólogo Adão Samir Eger.

Eger filmou os flocos caindo sobre seu parabrisa e sobre o gramado. À frente de uma agência de turismo, está acostumado com a neve. “A primeira neve forte que tenho lembrança foi a de 1988, quando tinha 11 anos. Mas depois também foi intensa em 1994, 1999 e, mais recentemente, em 2013”, conta.

Em Santa Catarina, também há previsão de neve, na região serrana, em cidades como Urubici, Urupema e São Joaquim. A neve preocupa autoridades que pedem que turistas sem reservas não visitem os locais. Pode haver risco de acidentes com eventual gelo em estradas sinuosas e de aglomeração de visitantes (e, portanto, de maior contágio de coronavírus).

Sugestões

Deixe um comentário

Pin It on Pinterest

Share This