Home Cidades MP, OAB e prefeitura debatem loteamentos em Americana

MP, OAB e prefeitura debatem loteamentos em Americana

A reunião deve contar com a participação de representantes de órgãos públicos e da sociedade civil para discutir a regularização de loteamentos urbanos na cidade
by TodoDia

O MP-SP (Ministério Público do Estado de São Paulo), por meio do 2º Promotor de Justiça de Americana, Ivan Carneiro Castanheiro, a OAB (Ordem dos Advogados do Brasil – 48ª Subseção de Americana), e a prefeitura marcaram para hoje, às 18h, uma reunião de trabalho sobre a regularização de loteamentos urbanos na cidade.

O encontro será no auditório da OAB, na Rua Cristóvão Colombo, 155, Parque Residencial Nardini. As inscrições estão sendo feitas na sede da OAB, ou pelo telefone (19) 3461-5181 (com Vanessa).

O número de vagas é limitado à capacidade do auditório, que tem 100 lugares.

A reunião deve contar com a participação de representantes de órgãos públicos e da sociedade civil organizada para discutir as formas e a importância de proceder a regularização dos núcleos habitacionais de Americana, de acordo com a Lei Federal 13.465/2017, conhecida como “Lei da Reurb”.

“A regularização de loteamentos tem como objetivo principal trazer melhorias na qualidade de vida, não apenas para as pessoas que moram nessas ocupações irregulares, mas a toda a cidade, levando água potável, coleta de lixo, coleta de esgoto, ou seja, toda infraestrutura urbana mínima”, destacou o promotor. “É muito importante que todos estejam presentes. Convidamos universidades, associações, autoridades municipais e estaduais para discutir esse tema tão importante”, complementou Carneiro.

A Prefeitura de Americana será representada na reunião por diversas secretarias.

O secretário municipal de Habitação e Desenvolvimento Urbano, Charley Petter Cornachione, destacou a importância do encontro.

“Essa é uma atividade muito importante para o município e para o desenvolvimento urbano. É um trabalho que Americana vem fazendo há muito tempo, até por isso não tem muitos núcleos que necessitam dessa regularização, e a lei veio para contribuir, para facilitar o trabalho como um todo”, afirmou.

Também confirmou presença na reunião a secretária executiva do Programa Cidade Legal, do Governo do Estado de São Paulo, Daniela Altavista.

Em fevereiro deste ano, o MP instaurou Procedimento Administrativo de Acompanhamento (PAA) das políticas públicas da regularização fundiária urbana em parcelamentos urbanos situados em zona urbana do município de Americana, implantados com fins urbanos.

 

 

Sugestões

Deixe um comentário

Pin It on Pinterest

Share This