Home Cidades Obra vai garantir mais segurança em acesso ao Terras do Imperador

Obra vai garantir mais segurança em acesso ao Terras do Imperador

Parceria entre prefeitura e associação vai viabilizar novas entrada e saída
by Rogério Verzignasse

Intervenções viárias vão mudar a configuração urbana às margens da SP-304 (Rodovia Luiz de Queiroz), em Americana. A instalação de um novo acesso ao Terras do Imperador vai atender a uma antiga reivindicação de moradores que, desde o lançamento do loteamento fechado, enfrentam o risco diário de acidentes. 

As primeiras casas brotaram no condomínio ainda em meados da década de 2000, mas a entrada e saída do bairro – oficialmente denominado Jardim Imperador – sempre foi complicada. Quem chega da região central tem de cruzar a frente de quem deixa o Aeroporto Municipal. Quem sai do loteamento fechado transita até o mesmo ponto para ter acesso à rodovia, o que deixa o local perigoso. 

Hoje, com o condomínio praticamente tomado de construções, o risco de acidentes ficou ainda maior. Cerca de 1,2 mil pessoas vivem no local. 

A situação promete mudar depois que a direção do DER (Departamento de Estradas de Rodagem) autorizou intervenções no trecho, como forma de garantir a segurança de motoristas. A estatal atendeu ao pedido de uma comitiva americanense que esteve da sede regional da estatal. 

Além de representantes dos moradores, estiveram na reunião o vereador Thiago Martins e o ex-deputado estadual Chico Sardelli, ambos do PV. 

“Aquele acesso já viu acidentes sérios. O Terras hoje é bairro formado, que precisa de um acesso mais seguro”, disse Roberto César Cordeiro, presidente da associação dos moradores. 

  • Facebook
  • Twitter
  • LinkedIn
  • Pinterest

PERIGO | Novo acesso é reivindicação antiga de moradores (Foto: Ernesto Rodrigues | TodoDia Imagem)

A maior preocupação de quem vive por lá é o trânsito intenso, principalmente de caminhões pesados. Os veículos manobram e mudam de faixa para acessar os dois sentidos da Via Anhanguera. Naquele trecho, carros reduzem a velocidade para entrar no Terras, ou outros veículos esperam para entrar na pista. 

O condomínio e a prefeitura vão dividir os custos da intervenção. De acordo com Martins, que acompanha as tratativas entre as partes, a associação de moradores deve fornecer o material, e o governo municipal a mão de obra. 

A reportagem do TodoDia teve acesso ao projeto apresentado à regional do DER, já disponibilizado à Secretaria Municipal de Planejamento para execução. A nova via vai tomar um trecho do atual estacionamento do aeroporto. 

Dessa forma, quem chega não vai mais cruzar com quem sai do condomínio. Cada sentido de trânsito vai ter uma faixa exclusiva, separadas por canteiro central e jardinagem. 

Quem sai do aeroporto não vai mais entrar direto na rodovia: o motorista terá de tomar a nova via sentido Terras, acessar uma nova rotatória e tomar o sentido contrário, como se estivesse saindo do condomínio. As obras estão orçadas em cerca de R$ 300 mil. A reportagem apurou que o condomínio conta com uma reserva em caixa para as despesas com o material de construção. O projeto não deve representar peso extra na mensalidade paga pelos condôminos. 

O prefeito Omar Najar (MDB) comemorou a iniciativa do condomínio. “Vamos ampliar a segurança de todos que transitam pelo trecho”, disse. 

Sugestões

Deixe um comentário

Pin It on Pinterest

Share This