Home Cidades Omar Najar ataca Acia e critica carta ‘injusta e inverídica’

Omar Najar ataca Acia e critica carta ‘injusta e inverídica’

Assim o prefeito de Americana definiu tópicos do documento feito pela associação
by Pedro Heiderich

O prefeito de Americana, Omar Najar (MDB), divulgou nota na noite desta terça-feira (27) criticando carta da Acia (Associação Comercial e Industrial de Americana) com 33 propostas enviadas aos candidatos ao Executivo. As propostas de uma “Americana para o Futuro” vão desde melhorias na captação de água e tratamento de esgoto, até a revitalização do Centro e dos corredores comerciais, e irritaram Omar. 

“Lamento, após anos de uma relação transparente e aberta, tamanho desconhecimento da máquina pública e do que foi feito durante o meu mandato”, inicia Omar. 

O prefeito cita o DAE (Departamento de Água Esgoto) e a dívida de R$ 40 milhões quando ele assumiu. “Diferentemente do que foi apontado como ‘condução ineficaz’, é graças à saúde financeira atual que está sendo possível viabilizar a reforma da ETE Carioba”. 

O prefeito rebateu ainda sobre o trabalho na Gruta Dainese: “só ocorrerá graças à ETE da Balsa, retomada e construída nessa administração” e a revisão ao Plano Diretor de Desenvolvimento Integrado: “causa espanto, o projeto de lei já está em tramitação na Câmara e foi objeto de audiências públicas”. 

Omar diz que apesar do direito de expressão da Acia, “entendemos como injustos vários pontos, alguns deles até inverídicos”. 

Ele disse que assumiu o município “praticamente falido” e “a duras penas” equilibrou a balança e fez “investimentos de grande relevância”. 

“Não foi possível fazer tudo. Mas vamos entregar o município para o futuro prefeito muito melhor do que há seis anos. Os próximos prefeitos ainda vão sentir o peso de recuperar plenamente a capacidade de investimentos em obras e serviços”, encerra o prefeito. 

PANOS QUENTES 

O presidente da Acia, Wagner Armbruster, colocou panos quentes na discussão e disse que a associação e as entidades que elaboraram a carta “reconhecem o valor de quanto já foi feito pela administração do prefeito Omar”. 

Ele destacou que o intuito não foi uma avaliação negativa da administração e sim registrar reivindicações da população. 

“Tanto é verdade que o prefeito foi o primeiro a ser comunicado da existência das propostas. A grande motivação é que o novo administrador tenha igual relação de cordialidade com as entidades como tivemos até o momento. Omar fez o que era possível dentro das condições, frente às situações que encontrou”. 

Sugestões

Deixe um comentário

Pin It on Pinterest

Share This