Home Cidades Omar não descarta se candidatar a deputado

Omar não descarta se candidatar a deputado

Prefeito diz também que recusou convite de Chico para compor o governo
by Leon Botão

Vivendo seus últimos dias à frente da Prefeitura de Americana, o prefeito Omar Najar (MDB) disse ontem que não descarta uma candidatura em 2022, mas que esse não é seu plano no momento. Durante entrevista coletiva, ele revelou ainda que recebeu convite do futuro prefeito da cidade, Chico Sardelli (PV), para compor o novo governo, mas recusou.

O cenário político da região em 2022 está recheado de especulação e nomes fortes para a disputa. Além do grupo de Cauê, Vanderlei e Rafael Macris (PSDB), há possibilidade de candidaturas de Maria Giovana (PDT), Welingnton Rezende (Patriota) e da própria Maine Najar, filha de Omar, cujo nome aparece nos bastidores. Isso, apenas em Americana. Na região, há nomes como o do deputado Dirceu Dalben (PL), de Sumaré, e Denis Andia (PV), de Santa Bárbara d’Oeste.

Diante das declarações de Omar, mesmo sem essa ser sua prioridade, a hipótese do futuro ex-prefeito entrar na disputa por uma vaga na Alesp (Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo) ou na Câmara Federal deve ser considerada.

“Vamos conversar com os companheiros (de partido). Não descarto nenhuma hipótese, mas hoje não é meu pensamento, e tem tempo ainda, tem dois anos pra se pensar, mas nada está descartado se eu tiver saúde e puder ajudar minha cidade, minha população, minha região, onde eu nasci, que a gente sabe de todas as dificuldades”, afirmou Omar.

Uma coisa, no entanto, é certa: Omar vai tirar um tempo de férias da política a partir de janeiro. Ele cravou a informação ao revelar que recebeu convites de Chico para compor o governo, mas recusou. Não foi oferecido um cargo específico, segundo Omar.

“Vou tirar férias, a gente não pode entrar numa administração e começar a criar problemas, ele (Chico) foi eleito, tem a liberdade de fazer o que acha melhor, se ele pedir ajuda minha, o que eu puder eu vou falar e ajudar, do contrário, vou torcer para que dê certo a administração. Eu estou à disposição, mas não quero participar do governo. Aliás, o Chico ofereceu pra mim se eu queria, falei ‘olha Chico, acho que não seria bom pra mim e nem pra você, acho importante você fazer o que tem que ser feito'”, disse Omar.

Sugestões

Deixe um comentário




Enter Captcha Here :

Pin It on Pinterest

Share This