Home Destaque Palmeiras negocia novo corte salarial no elenco

Palmeiras negocia novo corte salarial no elenco

Depois de reduzir 25%, clube discute com líderes uma nova redução
by Folhapress

O Palmeiras deu início a negociações com líderes do elenco para um novo corte salarial em meio à crise provocada pela pandemia do novo coronavírus. Há dois meses, o clube acertou a redução de 25% do salário em carteira e adiamento do pagamento do direito de imagem. 

Segundo apuração da reportagem, o clube vai tentar usar a mesma estratégia da primeira negociação, em que esclareceu aos jogadores a situação. A ideia é mostrar que a decisão será técnica, baseada em estudos financeiros do impacto da crise. 

As negociações são comandadas por Anderson Barros, diretor de futebol, e Cícero Souza, gerente do departamento. Eles falam diretamente com o técnico Vanderlei Luxemburgo e os líderes do elenco. Um deles é Felipe Melo, capitão do time. 

O corte nos dois primeiros meses de crise (maio e junho) incluiu também os dois dirigentes e o treinador do Palmeiras. Assim como os atletas, o corte foi de 25% do salário. 

No caso dos jogadores, os direitos de imagens serão devolvidos no futuro. O primeiro mês será pago em parcelas, diluído durante o segundo semestre de 2020. Os valores do segundo mês relativos ao direito de imagem vão ser repassados no ano que vem. 

Sugestões

Deixe um comentário

Pin It on Pinterest

Share This