Home Esportes Renato é o único na elite com 3 temporadas

Renato é o único na elite com 3 temporadas

Técnico do Grêmio é o mais longevo no cargo dentre todos da Série A
by Folhapress

Em setembro de 2016, Renato Gaúcho encerrava um hiato de mais de dois anos sem trabalhar para assumir o Grêmio. Passados três anos, ele é o treinador mais longevo na elite do futebol brasileiro, enquanto 14 dos 20 clubes da Série A já trocaram de comando durante o Campeonato Brasileiro, incluindo o líder Flamengo, um dos recordistas em trocas, com sete técnicos em três anos. 

Renato substituiu Roger Machado no comando do Grêmio e iniciou uma série de conquistas, com a Copa do Brasil de 2016, a Libertadores de 2017 e o bicampeonato estadual em 2018 e 2019. Além disso, está em sua terceira semifinal seguida na maior competição sul-americana, na qual enfrenta justamente o Flamengo, de Jorge Jesus, no próximo dia 23, no Maracanã, por uma vaga na final, após o empate em 1 a 1 no primeiro jogo em Porto Alegre. 

Se o Grêmio não muda de treinador, o Flamengo está entre os que mais tiveram técnicos diferentes nos últimos três anos. Líder do Campeonato Brasileiro com Jorge Jesus, o clube rubro-negro foi comandado desde 2017 pelos técnicos Zé Ricardo, Reinaldo Rueda, Paulo César Carpegiani, Maurício Barbieri, Dorival Júnior e Abel Braga. 

A rotatividade do Flamengo é alcançada apenas por Ceará, Chapecoense e Goiás, que também tiveram sete treinadores diferentes desde 2017, marca que o Botafogo também alcançará ao efetivar um substituto para Eduardo Barroca, demitido na última semana. 

Além do Grêmio, o clube que mantinha o mesmo treinador de forma ininterrupta por mais tempo era justamente o rival Internacional. 

Sugestões

Deixe um comentário

Pin It on Pinterest

Share This