Home Cidades Transportadora se muda para Sumaré

Transportadora se muda para Sumaré

Mudança vai ao encontro da meta de Luiz Dalben de criar “cidade logística”; empresa quer capacitar mão de obra
by Leon Botão

A transportadora TransJordano anunciou durante a semana que irá migrar sua sede de Paulínia para Sumaré em 2021 e já fala na possibilidade de capacitar mão de obra de motoristas no município para atender a demanda qualificada. A mudança vai de encontro com a meta do prefeito reeleito Luiz Dalben (Cidadania) de criar uma “cidade logística” nos próximos quatro anos.

O anúncio da transferência da empresa, que já tem uma filial em Sumaré, foi feita após encontro da direção da empresa com o prefeito. A companhia tem 22 anos de mercado e atuação em várias regiões do Brasil. A meta, segundo a transportadora, é ir para Sumaré “para ficar”, já que irá construir sede administrativa em terreno próprio na Área Cura.

Na divulgação feita pela prefeitura, o presidente da empresa, João Bessa, afirmou que o potencial logístico de Sumaré e a reeleição de Luiz Dalben com votação expressiva pesaram na decisão.

“A TransJordano acredita no enorme potencial logístico do município de Sumaré, sobretudo devido ao seu porto seco, interligação do sistema rodoviário com o ferroviário, sua excelente infraestrutura e privilegiada localização. Além disso, a empresa confia na excelente administração do prefeito Luiz Dalben e de seus secretários”, disse o empresário.

De acordo com o gerente jurídico da empresa, Ricardo Soares, ainda não existe uma previsão de geração de empregos diretos e indiretos, mas uma pretensão de, após a inauguração, dar preferência à mão de obra local na hora de contratar novos empregados.

“A gente pretende investir no treinamento da mão de obra para nos atender, porque esse tipo de mão de obra qualificada é difícil de encontrar. Nós já temos um quadro de empregados, mas a partir de agora as novas vagas, que a gente espera que surjam cada vez mais nos próximos anos, naturalmente serão destinadas a moradores da cidade”, afirmou o gerente.

Ao longo dos próximos anos, Sumaré deve receber a construção de novos viadutos sobre a linha férrea, melhorando o tráfego dentro da cidade, e também a duplicação da linha férrea, que possibilitará a criação do chamado porto seco.

Aliado a essas novidades, a localização estratégica, entre as rodovias Anhanguera e Bandeirantes, e a proximidade ao aeroporto de Viracopos devem ajudar na atração de empresas.

Essa, inclusive, é a meta do prefeito Luiz Dalben, que disse em entrevista ao TODODIA após a reeleição que vê o potencial de tornar Sumaré um município com vocação logística, a fim de gerar emprego e desenvolvimento para a cidade.

Sugestões

Deixe um comentário




Enter Captcha Here :

Pin It on Pinterest

Share This