Sexta, 12 Agosto 2022

369 famílias da região receberão auxílio após morte de parentes por covid

Cidadesprograma sp acolhe

369 famílias da região receberão auxílio após morte de parentes por covid

Ação faz parte do programa estadual SP Acolhe , que paga R$ 1,8 mil em seis parcelas a famílias carentes que perderam entes por razões da pandemia  

São pagas seis parcelas de R$ 300, iniciadas em julho e a serem finalizadas em dezembro (Foto: Governo do Estado/ Divulgação)

As cidades da região têm 369 famílias aptas a receber R$ 1,8 mil, divididos em seis parcelas, pelo programa "SP Acolhe". O benefício do governo estadual é voltado a famílias carentes que perderam entes para a Covid-19 e estejam inscritas no CadÚnico (Cadastro Único).

São pagas seis parcelas de R$ 300, iniciadas em julho e a serem finalizadas em dezembro.

De acordo com a Secretaria de Desenvolvimento Social, quem não requereu o benefício, ainda tem direito, desde que esteja na lista do governo.

Em Americana, são 48 pessoas no CadÚnico que podem receber as parcelas.

Os municípios com mais famílias são Sumaré e Hortolândia, ambos com 113 cada.

Santa Bárbara d'Oeste tem 32 pessoas, Nova Odessa, 16; Monte Mor, 29; e Paulínia, 18.

O público-alvo da iniciativa são famílias inscritas no CadÚnico com renda mensal de até 3 salários-mínimos que tenham perdido pelo menos um familiar vítima de Covid-19, podendo ser pai, mãe, avô, avó, filho ou filha, desde que o óbito tenha ocorrido dentro do núcleo familiar.

O programa considera todas as estruturas familiares, exceto a unifamiliar (uma única pessoa), com filhos de todas as idades. Serão considerados os dados atualizados no CadÚnico nos últimos 24 meses; e os óbitos registrados até 21 de junho de 2021.

Para saber se é elegível ao benefício, a pessoa inscrita no cadastro deve acessar o site oficial do programa Bolsa do Povo (www.bolsadopovo.sp.gov.br) e consultar usando o número NIS da família.

Em caso de dúvidas, o cidadão pode ligar gratuitamente para a Central de Atendimento Bolsa do Povo: 0800-7979-800.

O programa também disponibiliza o assistente virtual do Bolsa do Povo via Whatsapp, pelo número (11) 98714-2645, para orientações aos usuários. 

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://tododia.com.br/