Quarta, 25 Mai 2022

Demora em atendimento pediátrico será debatida em Santa Bárbara d'Oeste

CidadesSaúde

Demora em atendimento pediátrico será debatida em Santa Bárbara d'Oeste

Reportagem do TODODIA mostrou espera de até cinco horas para pacientes conseguirem consultas feitas por apenas um profissional no PS Afonso Ramos

Na sessão desta terça-feira (23) foram apresentados dois requerimentos e uma indicação envolvendo os serviços prestados no PS Afonso Ramos (Foto: Prefeitura de Santa Bárbara/ Divulgação)

A qualidade do atendimento pediátrico oferecido pelo PS (Pronto-Socorro) Dr. Afonso Ramos, em Santa Bárbara d'Oeste, além do serviço prestado pela empresa terceirizada responsável pela contratação de médicos que atuam no hospital, serão tema de uma reunião entre a secretária de Saúde da cidade, Lucimeire Cristina Coelho Rocha, e os membros da Comissão de Políticas Sociais da Câmara de Vereadores, às 14h desta quinta-feira (25), na sede da pasta.

Proposto pela comissão, o encontro foi marcado depois que um grupo de pais denunciou a demora no atendimento e a ausência de um dos dois especialistas responsáveis pelas consultas pediátricas do PS em ao menos três ocasiões nos últimos 15 dias.

Reportagem do TODODIA no último dia 13 mostrou casos de pacientes que enfrentaram espera de até cinco horas por consultas, realizadas por apenas um profissional.

"Queremos poder tratar disso com a secretária e entender o contrato com a empresa e o que a prefeitura tem feito para que esses problemas não ocorram mais", afirma a presidente da Comissão de Políticas Sociais, a vereadora Esther Moraes (PL). Compõem o grupo também os vereadores Carlos Fontes (PSL) e Bachin Júnior (MDB).

"É importante que a secretária de saúde explique o que é que aconteceu, porque aconteceu e se continua acontecendo. A comissão está sensibilizada com essa situação", comenta Bachin.

Na sessão desta terça-feira (23) foram apresentados dois requerimentos e uma indicação envolvendo os serviços prestados no PS Afonso Ramos.

O vereador Celso Ávila (PV) indicou ao Poder Executivo a realização de um estudo para a contratação de mais pediatras para o hospital, com base nas reclamações que vem recebendo da população.


"Já Isac Sorrillo, o Isac Motorista (Republicanos), apresentou um requerimento questionando as medidas tomadas pela prefeitura para melhorar os serviços no hospital e outro pedindo a convocação da secretária de Saúde para prestar esclarecimentos sobre o assunto. A convocação foi rejeitada pelos parlamentares por 14 votos contrários.

Na semana passada, a secretária de governo, Patrícia Regina Marques de Martino, respondeu ao questionamento do vereador Nilson Araújo (PSD) sobre o monitoramento da jornada de trabalho dos pediatras que atendem no hospital.

De acordo com a secretária, o PS conta com dois médicos pediatras em jornadas de 12 horas, das 7h às 19h e das 19h às 7h. "Em virtude da pandemia, o atendimento pediátrico no pronto-socorro Dr. Edison Mano foi suspenso. Contudo, os médicos que atuavam ali não foram remanejados ao pronto-socorro Afonso Ramos", justificou Patrícia.

Por meio de nota, a Secretaria de Saúde informou que o Pronto-Socorro Pediátrico Dr. Luís Roberto dos Santos Mano, que funciona no mesmo prédio do PS Dr. Edison Mano, "deve retomar os atendimentos de urgência e emergência pediátrica nos próximos dias".

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Quarta, 25 Mai 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://tododia.com.br/