Quarta, 10 Agosto 2022

PT encolhe, mas firma novo reduto

PT encolhe, mas firma novo reduto

Em um cenário de eleições polarizadas e nacionalizadas, o PT (Partido dos Trabalhadores) viu na região o número de vereadores eleitos diminuir pela me

Em um cenário de eleições polarizadas e nacionalizadas, o PT (Partido dos Trabalhadores) viu na região o número de vereadores eleitos diminuir pela metade. Em 2016, seis parlamentares foram eleitos pela legenda, enquanto no último domingo apenas três conquistaram uma cadeira. Nesse cenário adverso, o partido parece ter encontrado um novo reduto, Sumaré, onde o número de vereadores se manteve e a votação aumentou.

Tradicionalmente, a cidade de Hortolândia era considerada um reduto petista na RMC (Região Metropolitana de Campinas). Já foram eleitos prefeitos pela legenda na cidade no passado Ângelo Perugini, agora no PSD, e Antônio Meira, que em 2020 apoiou o PSDB; além de Ana Perugini, eleita deputada também pelo PT e que apoiou o atual prefeito nas eleições deste ano.

Aos poucos, o partido foi perdendo força na cidade e nessas eleições não conseguiu eleger ninguém. Em 2016, dois vereadores foram eleitos.

Nesse cenário, a cidade vizinha Sumaré tem se consolidado como o novo reduto petista na região, já que os dois vereadores da legenda foram reeleitos no último domingo, sendo um deles, Willian Souza, o mais votado da cidade, e segundo mais votado da história, com 4.477 votos, cerca de mil a mais que o registrado por ele nas eleições passadas.

O vereador Ulisses Gomes também se reelegeu, aumentando sua votação em mais de 100 votos. O partido também ficou próximo de conquistar uma terceira cadeira, que seria ocupada por Edna Rodrigues, a mulher mais votada em Sumaré neste ano com 958 votos.

Na análise do presidente do partido na cidade, o ex-vereador Roberto Vensel, o resultado foi satisfatório, considerando que, pela primeira vez desde 1981 o PT não teve candidato a prefeito ou vice-prefeito.

"Isso acaba tendendo a fazer o partido eleger menos vereadores, porque ter um candidato a prefeito acaba ajudando a puxar voto, aumenta voto na legenda. Além disso, a gente sabe que o PT vem vivendo um processo de desgaste por conta de fake news, da grande mídia, tudo isso levava a crer que a nossa votação pudesse diminuir", afirmou.

Vensel disse que o bom resultado, que contrasta com a região, se deu também por conta da expressiva votação de Willian Souza, importante liderança do partido em toda a região. Tal resultado, segundo o presidente, dá um recado para a cidade.

"Quando eu fui candidato à presidência do partido, meu anseio era ter uma chapa boa para preparar as bases para o PT ocupar os espaços e a importância que já teve na cidade, e mandamos a nossa mensagem. Queremos que o PT de Sumaré esteja presente em 2022 disputando um cargo de deputado e volte a ter candidato a prefeito em 2024. Esse será nosso debate agora na cidade", disse Vensel.


REGIÃO

Quem também manteve sua cadeira no Legislativo foi o PT de Americana. Em 2021, o vereador Padre Sérgio, que não se reelegeu, dará lugar à Professora Juliana, eleita com 1.131 votos. A votação do partido na cidade, no entanto, foi discreta, 3.677 votos, número menor que o total somado por Juninho Dias (MDB), reeleito com 3.998 votos, o segundo mais votado da história da cidade.

Em Santa Bárbara d'Oeste, o PT não tem vereador na Câmara desde 2016, quando o ex-vereador Pereira não conseguiu a reeleição mesmo com mais de 2 mil votos. Em 2020, ele também foi vítima do quociente eleitoral, somando 1.392 votos e ficando de fora. O petista foi mais bem votado que nove parlamentares eleitos, mas a chapa não atingiu o número necessário para garantir uma cadeira.

Já em Nova Odessa, a cidade elegeu um petista em 2016, Professor Antonio, que deixou o partido no meio do caminho e foi reeleito pelo PSD em 2020. O candidato mais bem votado do PT foi Marcos Pigato, que somou 447 votos, quantia superior a de dois parlamentares eleitos por outros partidos, em situação semelhante ao do PT barbarense.

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://tododia.com.br/