Quinta, 30 Junho 2022

Hospital Estadual de Sumaré deve reabrir leitos pediátricos

SumaréPediatra

Hospital Estadual de Sumaré deve reabrir leitos pediátricos

Governo do Estado abrirá 70 leitos infantis na região, sendo 30 deles no Hospital Estadual de Sumaré 

Sumaré | Hospital Estadual de Sumaré pode reabrir ala de enfermaria pediátrica (Foto: Governo do Estado)

O Estado deve implantar 70 leitos pediátricos na região. Desse total, 30 devem ser no Hospital Estadual de Sumaré, que teve a ala de enfermaria pediátrica desativada. A informação foi anunciada ontem (23) em reunião entre o prefeito de Campinas, Dário Saadi (Republicanos), e a direção da DRS-7 (Diretoria Regional de Saúde).

De acordo com informações, o governo estadual apresentará um cronograma para abertura dos leitos de enfermaria pediátrica e de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) e UTIs neonatais. Os municípios de Santa Bárbara d'Oeste e Sumaré estão entre as cidades que devem receber as estruturas pediátricas, conforme comunicado da Prefeitura de Campinas.

Dos 70 leitos, Campinas e Sumaré devem receber cerca de 40. O Hospital das Clínicas (HC) da Unicamp deve ter de oito a 10 leitos de enfermaria e o Hospital Estadual de Sumaré (HES) deverá ter a reabertura de 30 estruturas de pediatria também de enfermaria.

Os números divulgados pela prefeitura, porém, não são definitivos, segundo a Secretaria de Estado da Saúde.

No começo do mês, outra reunião entre a prefeitura e o governo do Estado foi realizada para discutir a alta ocupação dos leitos pediátricos e neonatais em Campinas e região. Durante o encontro, o prefeito pediu a reabertura dos 30 leitos no Hospital Estadual de Sumaré a fim de desafogar a rede pública.

Conforme comunicado da prefeitura, o cronograma deve incluir a implantação de seis leitos de UTI neonatal em Paulínia, além de 24 leitos de cuidados intermediários, sendo oito em Paulínia, dez em Santa Bárbara d'Oeste e seis em Jaguariúna.

A Prefeitura de Campinas alertou sobre a alta demanda de leitos pediátricos e neonatais. A maioria dos pacientes internados em Campinas está com doenças respiratórias e mais de 30% são de outros municípios.

A Secretaria de Estado da Saúde confirmou, em nota, que pretende abrir novos leitos pediátricos na região de Campinas e que conversa com gestores de Saúde da Divisão Regional de Saúde para definir cronograma. "Importante que a população saiba que a abertura de novos leitos não é prerrogativa apenas do Estado, mas também dos municípios e da União", disse.

O prefeito de Sumaré, Luiz Dalben (Cidadania), que é vice-presidente do Conselho de Desenvolvimento da RMC (Região Metropolitana de Campinas), afirmou que, junto ao deputado estadual Dirceu Dalben (Cidadania), se reunirá hoje (24) com o secretário estadual de Saúde, Jean Carlo Gorinchteyn para discutir o assunto. "Existe uma alta demanda de leitos pediátricos e neonatais na nossa região e é inadmissível que nossas crianças fiquem sem atendimento no momento em que mais precisam. Serviços de saúde precisam de investimentos constantes e, em uma parceria dos prefeitos da região, com o deputado estadual Dirceu Dalben e representantes do Governo do Estado, estamos realizando uma união de esforços no sentido de buscar soluções para garantir a continuidade dos serviços e a abertura de novos leitos", afirmou Luiz Dalben. 

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://tododia.com.br/