Sábado, 27 Novembro 2021

Prefeito de Sumaré destaca aprovação das contas pelo 3° ano consecutivo

SumaréEntrevista

Prefeito de Sumaré destaca aprovação das contas pelo 3° ano consecutivo

Na TV TODODIA, Luiz Dalben (Cidadania) pontuou as principais ações da gestão e celebrou resultados no Tribunal de Contas do Estado  

Entrevista | Prefeito na TV TodoDia ontem com Tiosso (Foto: Arquivo/ Tv TodoDia)

O prefeito de Sumaré, Luiz Dalben (Cidadania), foi o entrevistado do programa TodoDia News, da TV TodoDia, nesta quarta-feira (24). Em conversa com o apresentador Guilherme Tiosso, o chefe do Executivo falou de projetos, da parceria com o deputado Dirceu Dalben na Assembleia e de outros desafios na condução da cidade. Na entrevista, levada ao ar ontem e disponível nos canais digitais da TV TodoDia, o prefeito de Sumaré enalteceu a recente aprovação das contas da prefeitura referentes ao ano de 2019 pelo Tribunal de Contas do Estado.

Foi o terceiro ano consecutivo de aprovação de contas de sua primeira gestão - algo inédito na história recente de uma cidade que, somente entre 2006 e 2015 teve nada menos do que 24 rejeições de contas, somando Executivo (a maioria) e Legislativo.

Confira a seguir alguns trechos do bate-papo:
TodoDia: Quais são as medidas da administração neste mandato na área da Saúde que você destacaria?
Luiz Dalben: A gente entrou no governo com muita dificuldade em relação à saúde. Antigamente, você tinha que ir ao local da consulta para marcar um agendamento e, às vezes, as pessoas têm dificuldade de locomoção. Tinha um horário específico para marcar agendamento e ficava aquela fila de dar volta em quarteirão. Eu não quis mais isso. Agora o agendamento é por telefone e logo mais será feito por aplicativo. Estamos nos preparando para isso, para que se tenha um contato direto com a prefeitura, como fizemos com a Covid-19. O agendamento e as informações sendo passadas por WhastApp e aplicativo próprio. Você consegue observar também 15 novas unidades de saúde sendo construídas na cidade. É um trabalho muito árduo.
Sumaré é uma das cidades da região que vêm se destacando no enfrentamento da Covid-19...
Eu sofri várias críticas pelo fato de não termos que fazer pré-cadastro para saber quantas vacinas precisariam para cada lugar. Fizemos a vacinação aberta. A pessoa ia lá, saía de lá com o braço vacinado e isso favoreceu muito porque desburocratizou. Imagina quem não queria tomar a vacina ter que fazer um cadastro? Mais uma dificuldade para a pessoa tomar a vacina. Resolvemos essa questão e até por isso, às vezes, atrasamos as informações que repassávamos ao Ministério da Saúde e à Secretaria de Saúde do Estado e ficávamos para trás nas informações que eram publicadas, mas na verdade é que nosso banco de dados era alimentado pela própria Secretaria Municipal de Saúde e os indivíduos eram vacinados muito mais nas Unidades de Saúde. Em comparação com os níveis de vacinação, Sumaré teve um destaque maior porque conseguiu atender à maior demanda da primeira dose o mais rápido possível.

Sumaré pretende adotar o passaporte da vacina como outras cidades da região?
Nós não discutimos isso em Sumaré ainda. Nós temos o Comitê da Covid, que discute todas as ações da prefeitura. Para eu não tomar uma decisão política, eu quis tomar uma decisão técnica e, por isso, resolvi incluir a Polícia Militar, a Polícia Civil, o Ministério Público no comitê para discutir nossas ações. Acredito que a última reunião do ano é na próxima semana e eles vão poder discutir essa questão do comprovante de vacinação.
O TCE-SP (Tribunal de Contas do Estado de Sâo Paulo) aprovou pelo terceiro ano consecutivo a prestação de contas da Prefeitura de Sumaré (exercício 2019). 

O que foi feito para melhorar a prestação de contas do município?
A fiscalização é muito rígida. É praticamente um Ministério Público que toma conta das informações e fiscaliza se o prefeito está aplicando bem o recurso da própria população. De forma elogiosa, nossas contas foram aprovadas e, pela primeira vez na história de Sumaré, duas foram aprovadas com louvor, as prestações de 2017 e de 2019. Graças a Deus, em todos os anos do meu mandato, fechamos orçamentariamente no azul e, em 2019, fechamos o orçamento e o fiscal no azul. Pagando mais de R$ 150 milhões de dívidas de curto prazo, mais de R$ 600 milhões de dívidas consolidadas e dívidas de precatórios que precisaram ser renegociadas. São coisas muito técnicas, que é difícil no dia a dia a pessoa conseguir enxergar. Mas pra resumir, saímos de rating bancário (classificação de crédito) de C- para C e isso melhora significativamente a questão financeira da nossa cidade.

Como está o andamento para implantação do Bom Prato, restaurante popular anunciado recentemente?
É uma novidade para nós de Sumaré. Conquistamos por meio do deputado Dirceu Dalben. Nós fizemos uma boa parceria com o estado. Antigamente, o Bom Prato era 100% financiado pelo estado. Agora existe uma nova programação em que a prefeitura entra com 50% do custeio e o estado com 50%. Já foi feito um chamamento, tem uma empresa que será a prestadora do serviço e estamos por decidir a localização da instalação do Bom Prato. Vai ser fenomenal para a cidade. São mais de 1,5 mil refeições por dia que vão ajudar muito a população, principalmente os mais carentes.

Sumaré conta com o mandato do Dirceu Dalben na Assembleia. Para a cidade, essa representação é significativa?
Quando se joga no mesmo time fica mais fácil. Quem tem um pouco mais de experiência política sabe disso. Ter um deputado, alguém que possa auxiliar a conseguir verbas e recursos é extremamente importante pra qualquer governo.

A prefeitura tem algum projeto para equiparação salarial de professores?
Assim que nomeei os secretários de Educação e Finanças, fiz uma reunião com eles e passei a atribuição de que queria fazer a equiparação salarial. Pedi uma atenção especial para todos os servidores da prefeitura. Por bem, deu certo e começamos pela Secretaria de Educação, vamos conseguir fazer a mudança de letra, cumprir os quinquênios. Começamos por aí. Vamos atender a todos os colaboradores da prefeitura. Temos que dar o primeiro passo e está sendo dado pela Educação. 

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Sábado, 27 Novembro 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://tododia.com.br/