Quinta, 27 Janeiro 2022

'Aprendi tudo sem ele', filha desabafa sobre ausência de André Gonçalves

Culturadesabafo

'Aprendi tudo sem ele', filha desabafa sobre ausência de André Gonçalves

"Eu tenho 22 anos. Nasci dia 13 de fevereiro de 1999, sábado de Carnaval. Minha mãe me botou no mundo, o outro se atrasou para o parto e não me viu chegar", escreveu 

Ao longo do texto, ela não cita o nome do pai, de quem cobra na Justiça o pagamento em atraso de sua pensão alimentícia (Foto: Reprodução)

Maria Manuela, filha mais velha do ator André Gonçalves, 46, usou as redes sociais para fazer um longo desabafo a respeito da ausência do pai durante seu desenvolvimento. A jovem é fruto do relacionamento dele com a atriz Tereza Seiblitz, 57. Ao longo do texto, ela não cita o nome do pai, de quem cobra na Justiça o pagamento em atraso de sua pensão alimentícia. "Eu tenho 22 anos. Nasci dia 13 de fevereiro de 1999, sábado de Carnaval. Minha mãe me botou no mundo, o outro se atrasou para o parto e não me viu chegar", escreveu.

"Aprendi a ler, escrever e fazer contas sem ele", relatou. "Tive meu primeiro ralado no joelho sem ele. Todas as apresentações de escola e de teatro sem ele. Minha primeira medalha na natação. Natal, Réveillon, festas de aniversário sem ele."

"Minha primeira nota baixa", prosseguiu. "Aprendi a desenhar, cantar e jogar bola sem ele. Aprendi a cozinhar sem ele. Aprendi a lavar a roupa, fazer faxina e mercado sem ele. Aprendi a andar de bicicleta sem ele. Aprendi a comer, tomar banho e escovar o dente sem ele. Fui a todos os médicos sem ele. Me botei para dormir sem ele."

"E não há nada que ele possa me ensinar sobre como amar meus futuros filhos", lamentou. "Aos pais do mundo, sempre há tempo. Enquanto se está vivo, há tempo. Não percam a gigante oportunidade de conhecer os filhos de vocês." A publicação foi feita em meio à disputa judicial que o ator enfrenta pelo atraso no pagamento da pensão alimentícia das filhas. O processo movido por Manuela tramita em segredo de Justiça na 4ª Vara de Família do Rio de Janeiro e está na fase de espera da decisão do juiz.

O advogado de Gonçalves, Sylvio Guerra, disse recentemente à Folha de S.Paulo que não crê que o novo pedido de prisão caminhe. "Esse pedido de prisão não vai prosperar, pois ele já está em prisão domiciliar, apesar de ainda não ter recebido a tornozeleira eletrônica nem o mandato. Mas já está decretada a prisão pelo outro processo da Valentina", comenta. No dia 23 de novembro, o ator teve prisão domiciliar decretada pela Justiça de Santa Catarina em processo movido pela atriz e jornalista Cynthia Benini, também sua ex-mulher, com quem teve outra filha, Valentina. A sentença determina que Gonçalves seja monitorado por tornozeleira eletrônica e fique em prisão domiciliar por um prazo de 60 dias. "Ele vai cumprir essa decisão", disse o advogado.

A dívida do ator pelo não pagamento da pensão é de R$ 352 mil. Ele estava inadimplente desde 2017. Segundo Guerra, Gonçalves sempre cumpriu os seus compromissos com Valentina e seus outros dois filhos (ele ainda é pai de Pedro Arthur com Myrian Rios) durante o longo período em que foi contratado pela Globo -o desconto era feito em folha de pagamento. Mas, desde 2016, quando foi demitido da emissora e ficou desempregado, ele não conseguiu mais pagar o valor integral da pensão. "E foi acumulando. [No período] Ele fez algumas peças de teatro, fez a Dança dos Famosos, e tudo isso, ele depositava para os filhos. Só que ele não conseguia pagar o valor total da pensão, mas jamais deixou de depositar alguma coisa", justificou. O advogado acrescentou que eles vão tentar um acordo para o pagamento da dívida. 

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Quinta, 27 Janeiro 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://tododia.com.br/