Quarta, 10 Agosto 2022

Santa Bárbara d'Oeste atrai atacadistas

Aniversário de Santa Bárbara d ́Oeste - 2021EXPANSÃO

Santa Bárbara d'Oeste atrai atacadistas

 Cidade se consolida como novo polo logístico da Região Metropolitana de Campinas

Mais vagas: Inauguração de mais uma rede ‘atacarejo’ (Foto: Divulgação)

Impulsionada pelo desenvolvimento ocorrido a partir da expansão da rodovia dos Bandeirantes, no início dos anos 2000, Santa Bárbara d'Oeste começa a colher os frutos dessa localização estratégica, 20 anos depois. A cidade se tornou atrativa para grandes empresas do ramo atacadista de alimentos e também de logística, por estar localizada no entroncamento de duas importantes rodovias estaduais: a própria Bandeirantes e a SP-304 (Luís de Queiróz), facilitando o escoamento de produtos até a capital e o porto de Santos, por meio da rodovia Anhanguera; e também para a região de Piracicaba e a hidrovia Tietê-Paraná.

Os empreendimentos do ramo atacadista e de varejo, os "atacarejos", se instalaram nas proximidades da avenida Santa Bárbara, na divisa com Americana. Somente nos últimos anos, quatro novas bandeiras iniciaram suas atividades. E, segundo a prefeitura, uma quinta rede supermercadista já demonstrou interesse em construir sua planta em área nas proximidades do córrego Mollon.

"Somos protagonistas na região. Sem sombra de dúvidas, a nossa cidade é a mais preparada para a instalação de novos negócios", comentou o prefeito Rafael Piovezan, durante cerimônia de inauguração de uma rede atacadista.

Segundo a direção de uma dessas redes, "Santa Bárbara d'Oeste é uma cidade com acesso a um amplo sistema viário, o que a conecta a diferentes parques industriais, além de um aquecido setor de comércios e serviços. Por isso, esta nova loja possibilita um acesso facilitado para o abastecimento de fábricas da região, assim como comerciantes e consumidores locais".

Como exemplo dessas facilidades, no mês passado foi inaugurado o Entreposto de Carnes de uma rede de supermercados, que já é considerado o maior do Estado de São Paulo. Com 8.500 m² de capacidade produtiva, o frigorífico foi construído dentro do Complexo Administrativo e Logístico da rede, localizado na Rodovia Luiz de Queiroz (SP-304). Com um investimento de R$ 150 milhões e 200 mil m², o Complexo terá ainda um autoposto e uma loja autônoma, o que significa mais empregos à vista.

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://tododia.com.br/