Sábado, 16 Outubro 2021

‘Não me sinto seguro’, diz Tite

‘Não me sinto seguro’, diz Tite

Com contrato renovado com a CBF até a Copa do Mundo do Catar, o técnico Tite afirmou ontem que não se sente seguro de que realmente vá ficar no cargo
Com contrato renovado com a CBF até a Copa do Mundo do Catar, o técnico Tite afirmou ontem que não se sente seguro de que realmente vá ficar no cargo até o início da competição, que será realizada no fim de 2022.

“Não me sinto seguro. O futebol exige constantemente um grande trabalho, resultados... Ao longo da história foram Zagallo, Parreira e Dunga que permaneceram o ciclo todo. Tomara que eu consiga, que a ideia é essa”, disse Tite, em entrevista no Rio de Janeiro, após sua primeira convocação desde a derrota para a Bélgica por 2 a 1, nas quartas de final da Copa do Mundo da Rússia.

O treinador assumiu a seleção em 2016, depois da demissão de Dunga, mas não levou o Brasil ao título mundial.
“Tivesse um ciclo completo aqui eu não estaria aqui, pois entendo que o outro profissional deva estar aqui, como Abel, Paulo Autuori, foram campeões mundiais e não estiveram aqui. Nós tínhamos a possibilidade, saímos com o melhor segundo tempo da Copa, para mim, o melhor jogo, pela qualidade do adversário e por quanto ela criou. Era justo chegar na semifinal, para mim, era justo”, analisou o treinador.

Tite foi prestigiado no cargo pela diretoria da CBF, que o convidou a permanecer mesmo com a derrota. Mas o técnico levou 18 dias para dar a resposta de que iria continuar no comando da seleção. Ele explicou a demora.

“Fiquei 15 dias sem dormir direito. Mais que 15 dias. Sou humano, acordo às vezes 2 da manhã chutando a bola do Firmino, a do Gabriel, tirando a mão do Courtois, mas em um jogo de futebol isso acontece”, lamentou Tite, citando lances do jogo que o Brasil perdeu para a Bélgica por 2 a 1, em Kazan.

Apesar do revés na Rússia, o técnico não quis citar erros cometidos durante a preparação da seleção.
“Os erros que eu cometi, me servem de aprendizado. Sou um ser humano incompleto. Na Copa do Mundo, se joga contra equipes de altíssimo nível. Devo considerar uma série de aspectos positivos”, afirmou o treinador.

11 NOVIDADESA lista do técnico traz 11 mudanças em relação ao elenco que disputou o Mundial na Rússia, entre junho e julho.
As principais novidades entre os 24 convocados são os meio-campistas Lucas Paquetá (Flamengo), 20, Arthur (Barcelona), 22, e Andreas Pereira (Manchester United), 22, e os atacantes Pedro (Fluminense), 21, artilheiro do Campeonato Brasileiro com 10 gols, e Éverton (Grêmio).

A convocação desfalcou Corinthians, Flamengo e Cruzeiro nas semifinais da Copa do Brasil, poupando apenas o Palmeiras.

O Brasil enfrenta Estados Unidos e El Salvador nos dias 7 e 11 de setembro, nos Estados Unidos, enquanto os quatro semifinalistas da competição nacional entram em campo dia 12. O Corinthians, sem o lateral Fágner, convocado, pega o Flamengo, que perde o meia Paquetá. enquanto o Cruzeiro, com o zagueiro Dedé chamado por Tite, enfrenta o Palmeiras, único time “poupado” pela CBF.

“Tentei procurar ser o mais justo possível. Minha responsabilidade é com a seleção, mas tenho que enxergar o outro lado. Como procurei equilibrar foi não trazer dois de cada clube. Poderia chamar um do Palmeiras, o Bruno Henrique que está jogando muito, mas tenho que dar a oportunidade a esses atletas”, disse Tite.
 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Domingo, 17 Outubro 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://tododia.com.br/