Domingo, 26 Junho 2022

Santos defende invencibilidade

EsportesBRASILEIRÃO

Santos defende invencibilidade

 Equipe recebe o América-MG, às 16h deste domingo, em partida válida pela terceira rodada do Brasileirão

Preparação | O técnico do Santos, Fabián Bustos (Foto: Arquivo/TodoDia Imagem)

O Santos recebe neste domingo (24), às 16h (de Brasília), o América-MG, na Vila Belmiro, em partida válida pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro, e tentará manter a invencibilidade na competição (tem uma vitória e um empate em dois jogos).

A partida será mais um teste para o esquema que tem sido utilizado pelo técnico Fabián Bustos. O período de duas semanas de treinamentos após a eliminação precoce no Paulista foi fundamental para o treinador conhecer melhor o elenco do Santos e definir suas prioridades. Desde essa "intertemporada", as escolhas do técnico argentino estão mais claras e envolvem basicamente dois times. Enquanto isso, figuras importantes nos últimos meses perderam espaço.

Os goleiros João Paulo e John, os zagueiros Maicon, Eduardo Bauermann, Kaiky e Emiliano Velázquez, os laterais Madson, Lucas Pires e Felipe Jonatan, os meio-campistas, Willian Maranhão, Vinicius Zanocelo, Sandry, Rodrigo Fernández, Gabriel Pirani, Ricardo Goulart e Lucas Barbosa e os atacantes Ângelo, Lucas Braga, Jhojan Julio, Marcos Leonardo, Bryan Angulo e Léo Baptistão estão de fato nos planos de Bustos.

Em compensação, outros brigam por vaga até no banco de reservas. São os casos dos goleiros Diógenes e Paulo Mazoti, dos zagueiros Luiz Felipe e Robson, do lateral-direito Auro, dos meio-campistas, Camacho, Carlos Sánchez, Bruno Oliveira e Vinicius Balieiro e do atacante Rwan.

Destes, Luiz Felipe (28), Camacho (32) e Sánchez (37) já foram titulares absolutos do Santos em outros momentos. No caso do uruguaio, pesa o limite de cinco estrangeiros relacionados por partida: os equatorianos Julio e Angulo, os uruguaios Velázquez e Fernández e o chinês Ricardo Goulart estão à frente.

Na próxima janela de transferências, em julho, o Santos pretende negociar parte desses atletas pouco utilizados. Fabián Bustos promete avaliar o desempenho de todos no dia a dia e afirma estar propenso a "reviravoltas", mas, neste momento, já tem suas prioridades após dois meses de trabalho. Outros jogadores foram afastados e treinam em horários alternativos. Esses nem têm chance de reintegração. São eles os meio-campistas Augusto e Jobson e os atacantes Allanzinho e Tailson.

EQUIPE
Neste domingo, um provável Santos tem: João Paulo; Madson, Eduardo Bauermann, Maicon e Lucas Pires; Willian Maranhão, Rodrigo Fernández e Ricardo Goulart (Baptistão); Ângelo, Marcos Leonardo e Johan Julio.

Já o América-MG pode ir a campo com: Jailson; Patric, Germán Conti, Eder e João Paulo; Alê, Juninho e Zé Ricardo; Paulinho Boia, Everaldo e Felipe Azevedo.

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://tododia.com.br/