Quarta, 08 Dezembro 2021

Aprendizagem digital:os dois lados da moeda

Aprendizagem digital:os dois lados da moeda

A pandemia da covid-19 representa uma circunstância completamente sem precedentes. Foram incontáveis as mudanças provocadas na rotina das pessoas, pri

A pandemia da covid-19 representa uma circunstância completamente sem precedentes. Foram incontáveis as mudanças provocadas na rotina das pessoas, principalmente no que diz respeito à maneira de trabalhar, ensinar e aprender.

De acordo com uma pesquisa elaborada pela OIT (Organização Internacional do Trabalho), até abril de 2020, cerca de 60 países já adotaram o home office como uma alternativa ao trabalho presencial. E durante esse período surge a oportunidade para profissionais e empresas focarem mais em qualificação. De olho nessa tendência, as empresas começaram a adotar metodologias de Ensino a distância (EAD) em seus treinamentos e ações de educação corporativa, buscando melhorar o desempenho dos colaboradores.

A questão é: como garantir que os programas de capacitação sejam eficientes também em ambientes digitais? Como o colaborador pode fazer para se engajar mais em um treinamento feito através da tela do computador? É verdade que, mesmo antes da pandemia, o ensino a distância já estava em plena ascensão. Prova disso é que, ao final do ano passado, os alunos matriculados em cursos superiores EAD representavam mais de 26% do total de graduandos no Brasil.

E da mesma forma que nos cursos presenciais, já se sabe que o empenho e participação do aluno são itens fundamentais para conseguir um alto rendimento. No entanto, a tecnologia pode ser uma grande aliada.

Parece até redundante, usar da tecnologia para aprender com tecnologia, não é mesmo? Mas é a pura verdade. O colaborador pode explorar desses recursos para favorecer a sua eficiência em treinamentos digitais.

O estudo on-line começa pela familiarização com o ambiente virtual de aprendizagem (AVA). Além do básico, que é garantir um local reservado e sem distrações para assistir aos conteúdos do treinamento, o AVA pode se tornar uma verdadeira sala de aula. É nele que estarão concentrados todos os materiais, o calendário com a programação de tarefas, as atividades a serem concluídas, além dos contatos dos professores e aprendizes.

E o que pode te ajudar nesta etapa? Existem diversas opções de aplicativos, por exemplo, para bloquear as redes sociais por um tempo, gerenciar de tarefas para não se esquecer de nada, agendas virtuais, entre várias outras.

Além disso, já existe uma série de devices dotados de tecnologias inovadoras, como a capacidade de isolar ruído externo, multiplicar a conectividade e ampliar as plataformas utilizadas.

Além disso, para deixar o treinamento ainda mais refinado, podem ser disponibilizados artigos e materiais complementares aos conteúdos em um banco de dados, sem nenhuma complexidade.

Estamos vivendo tempos desafiadores e esta é a oportunidade perfeita para explorar todo o potencial que a comunicação e a educação à distância têm a oferecer.


Escrito por: Luiz Alexandre Castanha | Esp. em Gestão de Conhec. e Tecnologias Educacionais

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Quarta, 08 Dezembro 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://tododia.com.br/