Terça, 09 Agosto 2022

A ascensão de Cristo

A ascensão de Cristo

Por Ailton Gonçalves Dias Filho 

Ontem, dia 27, os cristãos de todo o mundo celebraram a ascensão de Jesus Cristo. Evento glorioso registrado pelo primeiro historiador da igreja, o médico e pesquisador Lucas.

Após sua ressurreição, Jesus de Nazaré ainda permaneceu quarenta dias com seus discípulos. Numa quarentena pedagógica, passou suas últimas orientações, comendo com eles, dando provas indiscutíveis de sua gloriosa ressurreição. Após esses quarenta dias ele é elevado às alturas.

Do registro de Lucas podemos perceber que a ascensão de Jesus Cristo revela uma pergunta destoante. Os que estavam com ele arguiram: "Será este o tempo em que restaures o reino a Israel?". Era uma pergunta com conotação política. A pergunta claramente destoava. Estava fora de ordem. Tanto que a resposta inicial de Jesus de Nazaré diz: "Não vos compete conhecer tempos ou épocas que o Pai reservou pela sua exclusiva autoridade..."

Por vezes também nós destoamos. Destoamos quando não compreendemos a mensagem de Cristo. Destoamos quando destilamos veneno ao invés de amor. Destoamos quando revelamos nossos preconceitos e nossa miopia em relação à mensagem que o evangelho de Jesus encerra.

A ascensão de Jesus Cristo também revela uma resposta orientadora e desafiadora. Diz o Nazareno: "...mas recebereis poder, ao descer sobre vós o Espírito Santo, e sereis minhas testemunhas..." A resposta é desafiadora e ao mesmo tempo orientadora. A referência é sobre a descida do Espírito Santo sobre a igreja. fato que ocorreu dez dias após a ascensão, quando a igreja recebeu poder para ser testemunha do grande amor de Deus pela humanidade. Ela tem feito isso ao longo dos anos. A ascensão apresenta-nos desafio e orientação ao mesmo tempo.

Por fim, a ascensão de Jesus de Nazaré revela um retorno glorioso. Quando começa a acontecer a elevação de Jesus, os discípulos se esforçam para ver aquele espetáculo, e aparecem dois varões com vestes resplandecentes e dizem: "...por que estais olhando para as alturas? Esse Jesus que dentre vós foi assunto ao céu virá do modo como o vistes subir".

Ou seja, Jesus retornará! Ele vai voltar! A ascensão aponta para seu retorno glorioso. Esta é a nossa fé. Esta é a nossa expectativa esperançosa.

Os sinais de sua segunda vinda estão cada vez mais claros. A esperança viva dos cristãos aponta para esse retorno glorioso declarado na ascensão.

Maranata! Vem, Senhor Jesus!

É isso! 

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://tododia.com.br/