PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Aluno é detido por agredir vice-diretora

Estudante teria histórico de violência contra outros funcionários e também por provocar danos na escola

Um adolescente de 14 anos foi apreendido pela Polícia após agredir com um soco na boca, na última terça-feira (10), a vice-diretora da escola onde ele estuda, no Jardim Europa, em Nova Odessa.

PUBLICIDADE

A informação é que o aluno – que teria histórico de violência contra outros funcionários e também por provocar danos no local – agrediu a funcionária, de 50 anos, após ser repreendido por estar cuspindo do primeiro andar em direção ao térreo da escola, onde atingiu uma professora com a cusparada.

A vice-diretora ficou ferida na boca. Ela acionou então a Polícia Militar, o Conselho Tutelar e o caso foi registrado no Plantão da Polícia Civil de Nova Odessa.

PUBLICIDADE

REINCIDÊNCIA

Segundo relatos de funcionários da Escola Estadual Alexandre Bassora, muitos dos quais registrados na Polícia e outros denunciados ao Conselho Tutelar, não é primeiro caso de agressão e de outros problemas provocados no estabelecimento de ensino pelo mesmo aluno, que é morador do Jardim Planalto.

PUBLICIDADE

No último dia 2, o adolescente cuspiu em um professor, chutou portas e tentou danificar hidrantes da escola porque foi repreendido por estar saindo vária vezes e sem permissão da sala de aula. Em 18 de agosto, o rapaz ofendeu uma professora e também mostrou comportamento violento ao chutar portas das salas e tentar danificar equipamentos contra incêndio instalados na escola.

Desta vez, foi feito na Delegacia um Boletim de Ato Infracional (crime praticado por menores de 18 anos) de agressão e o estudante permaneceu à disposição da Justiça da Infância e da Juventude.

Ontem, acompanhado dos responsáveis e de representantes do Conselho Tutelar, ele foi apresentado em audiência judicial. Até a conclusão da reportagem, não havia informação sobre o resultado da audiência.

Em mota, por meio da Secretaria Estadual da Educação, a Diretoria Regional de Ensino de Americana, responsável pela área onde está a escola, informou que é “inaceitável que situações de violência aconteçam dentro das escolas”. “Por isso, a gestão da Escola Estadual Alexandre Bassaro acionou os responsáveis pelo aluno e o Conselho Tutelar, que já acompanhava o aluno. A Ronda Escolar também foi chamada. Um Boletim de ocorrência foi registrado”, informou a Diretoria Regional, que garantiu que prestará todo apoio à vice-diretora agredida.

PUBLICIDADE

Pin It on Pinterest

Share This