PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Bingo ilegal flagrado há dois meses é pego funcionando de novo

Jogatina com 18 máquinas operava agora em outro imóvel da mesma rua na Vila Medon, em Americana

Pela segunda vez em dois meses, a PM (Polícia Militar) flagrou ontem à tarde um bingo clandestino funcionando na Vila Medon, em Americana. Essa mesma casa de jogos de azar já havia sido descoberta em 7 de novembro do ano passado, mas reabriu e vinha funcionando a cerca de 20 metros do endereço anterior, na mesma Rua Achiles Zanaga, região que concentra diversos consultórios médicos e estabelecimentos comerciais. 

PUBLICIDADE

Segundo a PM, policiais que faziam patrulhamento pelo local foram acionados por populares que denunciaram a existência do cassino. No local, a PM flagrou 18 máquinas de jogos ligadas e nove apostadores na jogatina. 

Os dois responsáveis pela casa de jogos de azar, que não tiveram suas identidades reveladas, são reincidentes nesse tipo de contravenção penal. Eles foram conduzidos até a Central de Polícia Judiciária para registro da ocorrência e foram liberados. 

PUBLICIDADE

  • Facebook
  • Twitter
  • LinkedIn
  • Pinterest
Bingo clandestino

Peritos e policiais civis foram acionados para acompanhar a apreensão dos equipamentos e demais provas da contravenção. 

LEI BRANDA 

Na avaliação do comando da PM, a reincidência acaba se tornando comum porque não há punição severa para esse tipo de delito. 

O comandante do 19º Batalhão da PM, tenente coronel Luiz Horário Raposo Borges de Moraes, responsável pelo policiamento em Americana, explicou que a legislação branda favorece a reincidência. “Esses locais, essas casas de bingo, na verdade, têm uma comodidade de a legislação não ser rigorosa, não haver uma pena que desestimule essa prática”, explicou o tenente coronel. 

Já é conhecido esse “modus operandi”, diz ele. “Eles (empresários do ramo) geralmente reabrem o mesmo tipo de atividade ilícita ou no mesmo local ou nas cercanias”, afirmou. 

É fácil de identificar pelo movimento de pessoas, pelo fluxo de veículos estacionados nas imediações e pela existência de câmeras, enumerou o comandante. Segundo ele, os policiais periodicamente retornam aos locais para checar se as ações criminosas voltaram a ser cometidas ou não. 

FIDELIDADE 

No dia 7 de novembro do ano passado, policiais já haviam fechado esse mesmo bingo clandestino, que funcionava em uma casa de alto padrão na mesma rua da Vila Medon. 

Na ocasião, além de 61 máquinas de jogos, 30 apostadores e R$ 3.550 em dinheiro, no local os policiais encontraram até “cartões de fidelidade” personalizados, destinados aos melhores clientes da casa.

PUBLICIDADE

Pin It on Pinterest

Share This