Sábado, 13 Agosto 2022

Dise de Americana apreende 1,1 tonelada de maconha, detém 3 pessoas e até cão ‘se rende’

Dise de Americana apreende 1,1 tonelada de maconha, detém 3 pessoas e até cão ‘se rende’

 Durante a operação policial, três indivíduos foram presos no interior do local

Após os trabalhos na sede de delegacia, os presos foram encaminhados para a Cadeia Pública de Sumaré (Foto: Divulgação)
A Dise (Delegacia de Investigações sobre Entorpecentes) de Americana apreendeu nesta quinta-feira (28) em uma chácara, em Hortolândia, pouco mais de uma tonelada de maconha durante a quarta fase da "Operação Fronteira". Três pessoas foram presas e até um cachorro "se rendeu" durante a prisão dos traficantes.

De acordo com informações dos agentes, houve um cerco a uma chácara no bairro Vila Real, em Hortolândia, local onde uma carreta que vinha de Campo Grande (MS) iniciava o descarregamento de uma grande quantidade de maconha.

Durante a operação policial, três indivíduos foram presos no interior do local: o motorista da carreta, de 54 anos, o dono do imóvel e o ajudante, ambos de 27 anos. Com o local dominado e seguro, foi possível constatar que havia um grande carregamento de maconha na carreta, escondida sob caixas de madeira.

Os três homens presos e a carreta com as drogas foram direcionados para a sede da Dise, onde as drogas foram contabilizadas. Ao todo, 1.176 tijolos de maconha, que pesaram em balança não oficial 1.141 kg da droga, foram apreendidos.

Após os trabalhos na sede de delegacia, os presos foram encaminhados para a Cadeia Pública de Sumaré, onde aguardarão por audiência de custódia.

Durante a operação, um fato inusitado chamou a atenção dos policiais. Um cachorro da raça Rottweiler, que fazia a segurança da chácara, "se rendeu" junto com os traficantes. 

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://tododia.com.br/