PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Operação contra pedofilia na web tem preso em Campinas

Policiais encontraram farto material pornográfico envolvendo crianças e adolescentes em seu computador

Um homem foi preso ontem, em Campinas, durante a 5ª fase da “Operação Luz na Infância”, desencadeada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública contra 105 acusados por crimes de abuso e exploração sexual contra crianças e adolescentes pela Internet em 11 estados, além do Chile, El Salvador, Estados Unidos, Equador, Panamá e no Paraguai.

PUBLICIDADE

Segundo o Ministério, dos 105 mandados de prisão, e de busca e apreensão expedidos contra os alvos da operação, 32 pessoas foram detidas em flagrante no Brasil, um nos Estados Unidos e dois no Paraguai.

Em Campinas, um homem de 49 anos, cuja identidade não foi revelada, foi um dos presos em flagrante. Segundo a Polícia Civil, o suspeito foi detido em uma fábrica de blocos de tijolo, no bairro Jardim do Lago 2. Os policiais foram até a casa dele, no Jardim Campos Elíseos, onde encontraram farto material pornográfico envolvendo crianças e adolescentes em seu computador – o que segundo a Polícia já caracteriza pedofilia.

PUBLICIDADE

Na residência também foram apreendidos bichos de pelúcia, bolas e outros brinquedos, que a Polícia suspeita serem objetos utilizados para aliciar possíveis vítimas.

Segundo a Polícia, o preso é microempresário e tem antecedente criminal por furto de energia. O acusado foi encaminhado para a 2ª DDM (Delegacia de Defesa da Mulher), autuado em flagrante e ficou à disposição da Justiça. Ele deverá ser submetido a Audiência de Custódia na Justiça.

PUBLICIDADE

Com Agência Brasil

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Pin It on Pinterest

Share This