PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Preso trio acusado de ‘arrastões’ em bares

Segundo a Polícia, ao menos 13 vítimas já reconheceram os suspeitos, que foram presos no bairro Salto Grande

Policiais civis da CPJ (Central de Polícia Judiciária) de Americana prenderam, ontem (1), três homens suspeitos de integrarem uma quadrilha que, há pelo menos um mês, vinha assaltando bares, lanchonetes e também residências, nas cidades de Americana e Santa Bárbara d’Oeste. 

PUBLICIDADE

Nos estabelecimentos comerciais, os roubos eram do tipo “arrastão”, com várias vítimas sendo obrigadas a entregar dinheiro, celulares e outros pertences. 

Segundo a Polícia, ao menos 13 vítimas já reconheceram os suspeitos, que foram presos no bairro Salto Grande. 

PUBLICIDADE

Os policiais entraram nas casas cumprindo três mandados de busca e apreensão e dois de prisão temporária expedidos pelas 1ª e 2ª Varas Criminais de Americana. Na operação foi preso também um homem procurado da Justiça. 

Nas casas foram apreendidos um simulacro de revólver calibre 38 e também telefones celulares, relógios de pulso, colares, pulseiras e anéis, pertencentes às vítimas dos roubos. 

PUBLICIDADE

Também houve apreensão de 9 gramas de maconha e de um carro Toyota Corola prata, característica idêntica à do veículo usado na fuga da quadrilha em quase todos os roubos em que os presos são suspeitos. 

As investigações prosseguem e a Polícia Civil pede que outras eventuais vítimas procurem a CPJ, na Rua Doutor Cândido Cruz, 146, Vila Rehder, em Americana, para formalização de mais reconhecimentos.

PUBLICIDADE

Pin It on Pinterest

Share This