PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Sequestro de casal de estudantes acaba com ladrão morto pela PM

Dupla de alunos é levada em assalto, mas PM persegue bandidos, mata um, prende outro e liberta vítimas

Um roubo de carro, seguido do sequestro de um casal de estudantes, que foi levado como refém em Americana, acabou em tiroteio, com a morte de um acusado e a prisão de outro, em Cosmópolis, na noite da última quarta-feira (2). 

PUBLICIDADE

Segundo a Polícia, a perseguição aos suspeitos começou após uma pessoa abordar uma viatura na Avenida Abdo Najar e informar ter visto uma moça ser obrigada a entrar em um carro, que saiu em alta velocidade em direção à Rodovia Luiz de Queiroz (SP-304). 

Uma equipe da Polícia Militar minutos depois passou a perseguir um carro em alta velocidade, costurando o tráfego, que ingressou na Rodovia Anhanguera, no sentido de Limeira, e depois entrou na Estrada Municipal Ivo Macris, em direção a Cosmópolis. Na estrada, os policiais acionaram sinais luminosos e sonoros da viatura e ordenaram que o motorista parasse. 

PUBLICIDADE

O condutor não atendeu, imprimiu mais velocidade e iniciou-se uma fuga pela estrada municipal, até que o suspeito que conduzia o carro perdeu o controle da direção e bateu em um barranco, deixando o veículo com a frente parcialmente destruída. 

Dois ocupantes do carro desceram correndo em direções opostas. Um deles refugiou-se em uma plantação de eucalipto e, segundo a Polícia, ao ver a aproximação de dois policiais, atirou. Os PMs revidaram e o homem foi atingido fatalmente, segundo a Polícia. 

PUBLICIDADE

Abaixados no assoalho do banco traseiro do carro, policiais encontraram um casal de estudantes, de 21 anos cada. Moradores de Sumaré, eles contaram ter sido abordados na Rua Dom Bosco, no bairro Santa Catarina, em Americana, ao sair de uma faculdade. Foram rendidos e levados pelos bandidos no próprio carro de uma das vítimas. 

Os ladrões os colocaram no banco traseiro e ordenaram que ficassem com as cabeças abaixadas. As vítimas tiveram alianças roubadas e acham que o alvo da dupla de assaltantes era o carro do rapaz, um Ford Ka, do qual assumiram o comando até a batida na estrada em Cosmópolis. 

O acusado morto no confronto com a Polícia foi identificado como Alexandre Batista Resende, 39 anos, que tinha antecedentes criminais nas cidades de Americana, Cosmópolis e Paulínia. Com ele foi apreendido um revólver calibre 38 com 3 cápsulas deflagradas e outras 2 picotadas, ou seja, com sinal que houve outras tentativas de disparos. 

O outro homem que fugiu após o carro bater no barranco foi encontrado escondido em uma chácara das imediações. Ele foi identificado como James Henrique Aparecido Moura, 25 anos, que também tem antecedentes criminais. 

Este segundo suspeito foi conduzido ao Plantão de Cosmópolis, autuado em flagrante por roubo e ficou preso à disposição da Justiça para passar por Audiência de Custódia – que não tinha resultado divulgado até o fechamento desta edição. 

PUBLICIDADE

Pin It on Pinterest

Share This