Sábado, 28 Mai 2022

Rio Branco lava a alma, goleia e quebra jejum de dois meses em casa

Rio Branco lava a alma, goleia e quebra jejum de dois meses em casa

Um Rio Branco totalmente diferente daquele visto nas últimas rodadas esteve em campo hoje, no estádio Décio Vitta. O Tigre goleou o Joseense, por 4 a

Um Rio Branco totalmente diferente daquele visto nas últimas rodadas esteve em campo hoje, no estádio Décio Vitta. O Tigre goleou o Joseense, por 4 a 0, pela segunda rodada da segunda fase do Campeonato Paulista da Segunda Divisão Sub 23. E poderia ter sido muito mais. Cursino, Felipinho (duas vezes) e Davi marcaram os gols do Tigre, que voltou a vencer em casa após 69 dias. O time de Americana assume a segunda colocação do Grupo 10 com três pontos, um a menos que o líder Marília.

O primeiro tempo teve domínio absoluto do Rio Branco que viu o Joseense apenas se defender. Foram diversas chances de gol logo nos primeiros minutos, a principal delas aos 7 min, em uma ótima enfiada de bola de Felipinho para Cursino, porém, Guilherme fez grande defesa para salvar os visitantes.

O Tigre só conseguiu abrir o marcador aos 41 min, quando Kayo fez lindo lançamento para o mesmo Cursino, que driblou o goleiro e bateu forte, no alto, marcando um belo gol, o quinto dele, artilheiro do alvinegro, na competição. Aos 47, por muito pouco os donos da casa não ampliaram após arremate de fora da área de Felipinho que acertou a trave.

O gol no fim do primeiro tempo não tirou a intensidade do Rio Branco, que voltou para cima do adversário, desperdiçando chances claras, uma atrás da outra, até os 17 min, quando em uma boa trama ofensiva, Braga ajeitou para Felipinho bate forte e fazer o segundo do Tigre. Três minutos depois, em um lance muito parecido, Davi rolou e, de novo, o camisa 7 apareceu para finalizar, ampliando o marcador para os mandantes.

Aos 29 min, virou goleada. Davi recebeu passe de Thiago e bateu de fora da área para fazer o quarto, contando com a falha de Guilherme. Na reta final de partida, coube ao Tigre apenas administrar o resultado, que renasce na competição. E a troca no comando técnico parece ter devolvido a paz ao estádio Décio Vitta, que parecia perdida após atos de indisciplinas de alguns atletas e o racha na comissão técnica.

“Dava para ter resolvido no primeiro tempo, mas a ansiedade atrapalhou um pouco. Voltamos melhor e, com mais calma, conseguimos fazer esse placar. Essa vitória é muito importante para a nossa classificação”, ressaltou o meia Felipinho, destaque do jogo com dois gols.

O Rio Branco volta a campo no dia 20, sábado, às 15h, novamente no estádio Décio Vitta, quando recebe o Marília pela rodada de encerramento do turno dessa segunda fase.


FICHA TÉCNICA

RIO BRANCO (4)Alan; Patrik, Crepaldi, Wellerson e Leandro; Kayo, Léo (Thiago), Rafael Cursino (Maranhão) e Felipinho; Davi (Bismarck) e Braga.
T. Tony Ferreira (interino)

JOSEENSE (0)

Guilherme; André, Vinícius (Guilherme Willian), Giovanni e Murilo (Otávio); Igor Ramos, Abraão, Igor Nazaret (Romildo) e Wilson; Willian e Leonardo.
T. Rafael Attili
Gols: Rafael Cursino (RIO – 41’ 1º T), Felipinho (RIO – 17’ 2º T), Felipinho (RIO – 20’ 2º T) e Davi (RIO – 29’ 2º T)
Cartões Amarelos: Maranhão (RIO); Igor Ramos, Giovanni, Abraão, Otávio e Romildo (JOS)
Público: 274 pagantes
Renda: R$ 2.220,00
Árbitro: Daniel Carlos Luciano Fernandes
Local: Estádio Décio Vitta, em Americana

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Sábado, 28 Mai 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://tododia.com.br/