Quinta, 26 Mai 2022

Covid: apesar da alta de casos, testagem em SP cai

Covid: apesar da alta de casos, testagem em SP cai

O número de exames RT-PCR para diagnóstico de Covid-19 caiu 22% no Estado de São Paulo entre agosto e outubro, segundo dados do Sistema de Monitoramen

O número de exames RT-PCR para diagnóstico de Covid-19 caiu 22% no Estado de São Paulo entre agosto e outubro, segundo dados do Sistema de Monitoramento Inteligente (Simi-SP). Na última semana, houve um aumento de 26% de internações em SP por Covid-19. A taxa de ocupação de leitos de UTI, que permaneceu por semanas consistentemente abaixo de 43%, atingiu nesta semana 47,4% no Estado e 55,2% na Grande São Paulo.

O governo estadual, no entanto, nega que haja uma segunda onda de Covid-19 e diz ainda que o Estado é o que mais realiza testes, com uma taxa de 100 exames por 100 mil habitantes.

O número inclui os testes RT-PCR, exames sorológicos e testes rápidos - não há evidência que ampare o uso destes últimos para diagnóstico de Covid-19.

Houve também uma queda nos últimos meses no processamento de amostras enviadas ao Instituto Adolfo Lutz, que antes concentrava o processamento dos exames no Estado e na Capital: entre agosto e outubro, foram 102.766 exames, ante 127.704 de maio a julho, uma redução de 19,5%.

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Quinta, 26 Mai 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://tododia.com.br/