sábado, 20 abril 2024
RENEGOCIAÇÕES

Desenrola Brasil chega a R$ 34 bilhões em dívidas renegociadas

11,5 milhões de brasileiros foram beneficiados desde o projeto em julho de 2023
Por
Isabela Braz
Foto: Agência Brasil

Mais de 11,5 milhões de brasileiros foram beneficiados durante o período de funcionamento do programa Desenrola Brasil, atingindo R$ 34 bilhões de dívidas renegociadas.

Os números fazem parte do balanço divulgado pelo Ministério da Fazenda, entre o período de início do programa, em 17 de julho de 2023, até o fim de dezembro de 2023.

Contas de luz, água, varejo e educação são exemplos que podem ser aplicados durante o programa, fazendo com que a pessoa volte a ter crédito com instituições financeiras.

O prazo para participar da Faixa 1 do programa foi estendido até 31 de março de 2024. A nova data é para que os beneficiários façam renegociações diretamente na plataforma do Desenrola.

Podem ser beneficiados pelo Desenrola aqueles que ganham renda bruta mensal de até dois salários-mínimos ou inscritos no Cadastro Único (CadÚnico), com dívidas que tenham sido negativadas de 2019 a 2022, cujo valor atualizado seja inferior a R$ 20 mil. São ofertados descontos médios de 90% para os pagamentos à vista e de 85% para as quitações parceladas.

As negativações de dívidas bancárias de até R$ 100 foram automaticamente suspensas, como parte do Programa Desenrola.

Como utilizar o Desenrola?

Para participar do Desenrola e ter maiores informações sobre as empresas e contas disponíveis para renegociação das dívidas, os interessados precisam:

• Entrar na plataforma pelo endereço https://desenrola.gov.br/;
• Ter uma conta no Portal Gov.br;
• Em seguida, clicar em “Entrar com gov.br”, fazer sua identificação, digitando o seu CPF e senha da sua conta gov;
• Conferir se há dívidas logo na página inicial;
• Escolher a melhor forma de renegociação, analisar a proposta e finalizar o contrato da melhor forma escolhida pela pessoa.

Golpes

O programa foi elaborado para que o processo aconteça de maneira segura e rápida. As negociações são feitas totalmente por meio digital, sem riscos.

O Governo Federal alerta que a renegociação pode ser feita apenas pela plataforma oficial do Desenrola. Qualquer outro canal de comunicação, como link, e-mail, mensagens de WhatsApp, etc, pode configurar tentativa de golpe, e deve ser ignorado pelo cidadão.

As estratégias dos bandidos envolveram e-mails, mensagens e até mesmo a criação de sites com o nome do “Desenrola”. Tudo isso é falso.

Em caso de suspeita de fraude, o cidadão deve comunicar a ocorrência de tentativas de fraudes com o registro de ocorrências policiais, contato com os Procons, e com a própria central telefônica do credor.

Receba as notícias do Todo Dia no seu e-mail
Captcha obrigatório

Veja Também

Veja Também