Sábado, 25 Junho 2022

Doria entrega rodovia dos Tamoios sem trecho que liga o porto de São Sebastião

Brasil + MundoInauguração

Doria entrega rodovia dos Tamoios sem trecho que liga o porto de São Sebastião

O trecho atrasado está previsto no projeto original, lançado em 2011 pelo então governador Geraldo Alckmin (PSB), foi pensado para que motoristas de caminhões tivessem acesso direto ao Porto de São Sebastião e à região norte de Caraguatatuba 

4 km do dos 33,9 km do trecho incompleto estão prontos e o restante deve ser entregue até 2023 (Foto: Bruno Santos/ Folhapress)

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), entregou neste sábado (26) as obras da rodovia dos Tamoios sem o trecho que liga as cidades de Caraguatatuba e São Sebastião, onde fica o porto do litoral norte paulista.

O evento de inauguração também foi feito antes da instalação das câmeras de monitoramento da rodovia e do sinal de internet wifi, prometidos pela administração estadual. Segundo Doria, os serviços serão entregues, mas não definiu o prazo.

Doria se prepara para deixar o governo paulista no próximo dia 2 e se tornar candidato à Presidência da República.

A conclusão do contorno de Caraguatatuba e São Sebastião estava prevista para 2018, assim como a entrega da duplicação da rodovia que teve as obras paralisadas unilateralmente pela empresa contratada na ocasião, segundo a Dersa (Desenvolvimento Rodoviário S/A).

De acordo com o secretário de Logística e Transportes, João Octaviano Machado Neto, 4 km do dos 33,9 km do trecho incompleto estão prontos e o restante deve ser entregue até 2023. "O cronograma está em ritmo acelerado", disse o secretário durante coletiva de imprensa neste sábado.

O trecho atrasado está previsto no projeto original, lançado em 2011 pelo então governador Geraldo Alckmin (PSB), e foi pensado para que motoristas de caminhões tivessem acesso direto ao Porto de São Sebastião e à região norte de Caraguatatuba sem saturar o trânsito nos centros urbanos.

Por causa do relevo acidentado, essa parte da obra é considerada problemática por demandar a construção de grandes túneis e viadutos.

O contrato para a retomada das obras do acesso entre as duas cidades foi assinado em agosto do ano passado e o prazo para conclusão é de 26 meses.

"É hora de celebrar o que foi feito, não o que não pode ser feito, senão vamos sempre olhar o copo meio vazio. Vamos celebrar o que é bom", disse o governador após ser questionado sobre o trecho atrasado.

Antes disso, Doria enalteceu a vacinação contra Covid-19 que possibilitou a cerimônia de entrega das obras ser feita sem a obrigatoriedade do uso de máscaras entre os presentes. Gritos de "Doria presidente" foram ouvidos da plateia.

A nova pista da rodovia Tamoios ficará fechada das 22h às 6h durante os dois primeiros meses de funcionamento, exceto durante os feriados, para que sejam feitos ajustes nos equipamentos de operação da via. 

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://tododia.com.br/