Domingo, 26 Junho 2022

Incidente de academia gera 19 meses de prisão

Brasil + Mundoataque

Incidente de academia gera 19 meses de prisão

 O ataque ocorreu em 2020 e foi registrado por câmera de segurança

Após o forte impacto, a vítima cai no chão com as mãos no rosto em agonia e coberto de sangue (Foto: Reprodução)
A ocorrência se deu em Palmerston (Austrália), quando um frequentador da academia jogou um peso de 20 quilos na cabeça de outro homem, que estava isoladamente fazendo exercício de supino (posição deitada).

O ataque, registrado por câmera de segurança, ocorreu em outubro de 2020, e as imagens mostram o momento em que Shane William Ryan, de 33 anos, carrega um peso na academia. Ele então, de acordo com a conclusão da investigação, finge tropeçar e se lança em direção à vítima.

Após o forte impacto, a vítima cai no chão com as mãos no rosto em agonia e coberto de sangue, enquanto Shane William se esconde e finge ter machucado um tornozelo. 

O homem ferido sofreu fratura no crânio, corte na sobrancelha, forte inchaço no rosto e ficou psicologicamente abalado. 

A relação entre os dois era amigável (nada fora do comum). Shane William insistiu que o episódio foi acidental e não apresentou qualquer razão para o ocorrido. A corte decidiu pela culpa de Shane e o condenou a 19 meses de reclusão. 


Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://tododia.com.br/