terça-feira, 27 fevereiro 2024
POLÍCIA

PM mata funcionário da CET após discussão

De acordo com testemunhas, os ventos fortes fizeram uma placa de sinalização cair sobre a moto do policial, o que originou a discussão
Por
Nayara Lourenço

Um policial militar matou um funcionário que prestava serviços para a CET (Companhia de Engenharia de Tráfego), após ser atingido por uma placa de sinalização que caiu por conta de um vendaval. O caso aconteceu na noite dessa quinta-feira (13), em Santana, na capital de São Paulo.

De acordo com testemunhas, a vítima estava colando faixas de sinalização, porém, por conta dos fortes ventos, uma faixa se soltou e atingiu a motocicleta do policial militar, que estava com um amigo.

Após uma discussão entre o funcionário e o policial, o agente sacou a arma e disparou contra a vítima. Alberes Fernandes de Lima não resistiu e faleceu no local.

De acordo com o boletim de ocorrência, o policial militar relatou à Polícia Civil que transitava pela avenida, quando teve que realizar uma manobra para desviar de uma faixa que estava sendo colocada na via, e parou para questionar um homem que estava na escada.

No entanto, o policial alegou que a vítima o agrediu com socos, pediu para ele se retirar da moto e ainda teria tentado pegar sua arma que estava na cintura.

O agente ainda afirmou que ‘para resguardar sua integridade física conseguiu sacar a arma e efetuou um disparo’, e acionou a polícia militar. Em nota, a SSP (Secretaria de Segurança Pública) disse que a vítima fez menção de estar armada e, por conta disso, o PM decidiu disparar. O policial foi indiciado por homicídio e vai passar por audiência de custódia.

O funcionário que estava com Alberes no momento da confusão relatou que os dois prestavam serviços de instalação de faixas para a CET, e que após uma das faixas se desprender e quase atingir um motociclista, o condutor da moto parou, entrou em luta corporal e atirou em Alberes. Ainda segundo a testemunha, o policial saiu do local após atirar contra a vítima.

Receba as notícias do Todo Dia no seu e-mail
Captcha obrigatório

Veja Também

Veja Também