Sexta, 17 Setembro 2021

Região Sul do país terá mínima de até -10ºC com chegada de nova onda de frio

Região Sul do país terá mínima de até -10ºC com chegada de nova onda de frio

A previsão de temperaturas mínimas tão baixas deve ocorrer com mais intensidade entre esta quarta (28) e quinta-feira (29), mas os termômetros gelados persistirão até o final de semana 

A grande massa de ar fria se desloca pelos Andes, com passagem por Argentina e Uruguai, e deve adentrar o território brasileiro, a partir da região Sul ( Foto: Agência Brasil)

A nova onda de frio que se aproxima do Brasil vai despencar os termômetros para até -10ºC nas partes mais altas de Santa Catarina. Quem vive em áreas acima dos 800 m no estado deve ser atingido por geada, chuva congelante e até queda pontual de neve.

A previsão de temperaturas mínimas tão baixas deve ocorrer com mais intensidade entre esta quarta (28) e quinta-feira (29), mas os termômetros gelados persistirão até o final de semana.

O Ciram (Centro de Informações de Recursos Ambientais e de Hidrometeorologia de Santa Catarina) reforça que será possível a ocorrência de neve pontual devido à influência de uma grande massa de ar polar.

Essa grande massa de ar fria se desloca pelos Andes, com passagem por Argentina e Uruguai, e deve adentrar o território brasileiro, a partir da região Sul, ainda nesta terça-feira (27).

Santa Catarina está acostumada a conviver com temperaturas baixas ao longo dos meses de inverno. Neste mês, inclusive, os termômetros já chegaram a registrar mínimas de até -8,2ºC.

A cidade de Urupema, conhecida por atrair turistas que buscam conhecer a neve, deve registrar -8ºC de temperatura mínima na quinta e na sexta-feira (30).

O diferencial dessa nova massa de ar frio, segundo as previsões oficiais, será a persistência de dias consecutivos com temperaturas mínimas negativas em diferentes áreas do estado. As máximas previstas não vão ajudar, uma vez que os termômetros não passarão dos 10ºC ao longo dos próximos dias.

De acordo com Marilene de Lima, meteorologista do Ciram, até o litoral catarinense tem previsão de bater temperaturas abaixo de zero. O mesmo cenário é previsto para as regiões oeste, de Planalto, Vale do Itajaí e para a Grande Florianópolis, com possibilidades de até -4ºC de temperatura mínima.

"O frio deve continuar no final de semana porque a nebulosidade vai impedir que os raios de sol apareçam", afirmou Lima. Nessas condições, a meteorologista do Ciram estima que será possível ver uma fina camada espessa de gelo pelas pastagens do estado até o final das manhãs após a passagem de geadas porque "o sol não terá força para aquecer a superfície".

Segundo o Ciram, a temperatura histórica mais baixa de Santa Catarina atingiu -14ºC em uma estação meteorológica do município de Caçador, em 11 de junho de 1952.

O Inmet (Instituto Nacional de Meteorologia), órgão que faz a medição oficial das condições climáticas do país, também estende o registro de temperaturas negativas entre -6ºC e -8ºC para as regiões de serra do Rio Grande do Sul.

No Sudeste, as menores temperaturas mínimas negativas serão registradas na Serra da Mantiqueira, na divisa entre São Paulo e Minas Gerais. Por lá, a previsão é de termômetros entre -2ºC e -3ºC, com máximas abaixo de 15ºC. Esse patamar de temperatura máxima também deve atingir as cidades da Grande São Paulo e o entorno de Belo Horizonte.

O Inmet também prevê temperaturas negativas em Mato Grosso do Sul, na região de Rio Brilhante, e no sudeste paulista, em Itapetininga.

FRIO ATÉ NO NORDESTE

A massa de ar polar, além de derrubar as temperaturas, deve causar temporais nos estados da região Sul do país até esta terça. Essa chuva se deslocará, também, para o sudeste e o extremo sul de Mato Grosso do Sul.

O frio vai predominar nos estados de São Paulo, Rio de Janeiro e em Minas -sobretudo, no Triângulo Mineiro e Sul de Minas. Também por Mato Grosso do Sul, região sul de Goiás e pelo sudoeste da Amazônia Legal, ocasionando mais um episódio de friagem.

A previsão atualizada do Inmet também afirma que os termômetros deverão despencar entre 4ºC e 6ºC no Sul da Bahia e em áreas de maior altitude do interior do Nordeste, região do país em que o calor impera até no inverno. 

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Sexta, 17 Setembro 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://tododia.com.br/