Domingo, 17 Outubro 2021

UTIs têm ocupação recorde em 13 das 18 regiões de SP

UTIs têm ocupação recorde em 13 das 18 regiões de SP

O número de internados com Covid-19 em UTIs públicas bateu recorde em 13 das 18 regiões do estado de São Paulo neste ano, em meio ao forte crescimento

O número de internados com Covid-19 em UTIs públicas bateu recorde em 13 das 18 regiões do estado de São Paulo neste ano, em meio ao forte crescimento de novos casos nas últimas semanas.

As piores situações estão em Bauru, Araraquara e Presidente Prudente, todas com mais de 90% de ocupação nos leitos. A área que engloba a Capital paulista está com 80%, praticamente igual ao pior período de 2020.

O jornal Folha de S.Paulo analisou dados de internações nas 18 regiões em que São Paulo é dividido de acordo com o Plano SP. O plano prevê medidas de isolamento social, que podem ser regionalizadas, para conter a disseminação do coronavírus.

Desde este sábado (6), porém, todo o estado está na fase vermelha, a mais rigorosa, em que apenas serviços essenciais podem funcionar.

Em 11 regiões, a taxa de ocupação de leitos de terapia intensiva em 2021 superou o pico do ano passado-houve ampliação de leitos em alguns locais, o que suavizou a situação mesmo diante de uma demanda inédita por internações.

Nesta quinta (4), as UTIs dos hospitais públicos paulistas tinham cerca de 7.000 pacientes. É a maior taxa já registrada até o momento, e a ocupação chega a 77% no estado como um todo.

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Domingo, 17 Outubro 2021

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://tododia.com.br/