domingo, 21 abril 2024
HABITAÇÃO

Americana conquista 890 novas moradias para famílias do município

Os recursos foram conquistados para a construção de 200 unidades na região do bairro Nielsen Ville, 390 no Jardim da Balsa 2 e 300 no Jardim das Orquídeas durante o ano de 2023
Por
Henrique Fernandes
Foto: Divulgação/Prefeitura de Americana

Americana conquistou recursos e subsídios para a construção de 890 novos apartamentos, sendo 200 unidades na região do bairro Nielsen Ville, 390 no Jardim da Balsa 2 e 300 no Jardim das Orquídeas durante o ano de 2023. Ao todo, foram entregues 145 escrituras de graça para famílias da cidade. A construção da nova praça no Jardim Mário Covas teve início, assim como a pavimentação asfáltica do ASTA I e 4, além da construção em andamento de 28 casas para idosos, no bairro Jaguari, e ações educativas nos condomínios Vida Nova I e II, na Praia Azul.

O secretário de Habitação e Desenvolvimento Urbano, Luiz Carlos Cezaretto, falou sobre as ações realizadas e em desenvolvimento na cidade. “Junto com o prefeito Chico Sardelli e o vice Odir Demarchi, buscamos nas esferas estadual e federal recursos e subsídios para a implantação de novos programas habitacionais para a população de Americana. Todo o processo para garantir as escrituras às famílias e o trabalho educativo junto aos condomínios Vida Nova I e II foram fundamentais para promover a inclusão, bem-estar e a qualidade de vida dos moradores”, afirmou Cezaretto.

Das 890 novas unidades habitacionais que serão construídas na cidade, 200 apartamentos no bairro Nielsen Ville foram viabilizados por meio do Programa Minha Casa Minha Vida, do Governo Federal, destinados a famílias com renda de até dois salários mínimos. O empreendimento habitacional foi um dos pleitos apresentados pelo prefeito Chico Sardelli ao governo durante viagem a Brasília realizada em setembro.

Já os 390 apartamentos na Balsa 2 serão viabilizados a preço social para famílias com renda total de até três salários mínimos. A área para construção dos imóveis será doada pela Prefeitura. Os governos estadual e federal fornecerão subsídios dos programas Casa Paulista – Modalidade Preço Social e Minha Casa Minha Vida, respectivamente.

No Jardim das Orquídeas, serão construídas mais 300 casas, por meio da CDHU (Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano), órgão vinculado ao Governo do Estado. O processo está na fase de elaboração dos projetos.

No Jardim Mário Covas, na Rua Francisco Carlos Maciel, uma nova praça para lazer e esportes está sendo construída para os moradores. O investimento será de R$ 626.635,95. Deste total, R$ 500 mil foram intermediados junto ao Governo do Estado pelo ex-deputado federal Vanderlei Macris e pelo secretário municipal de Habitação e Desenvolvimento Urbano, Luiz Cezaretto, e R$ 126.635,95 são de contrapartida da Prefeitura de Americana. O projeto da praça foi contemplado por meio do Programa Especial de Melhorias (PEM), que atende os equipamentos coletivos, com habitações de interesse social.

Em andamento, com 50% das obras realizadas, e previsto para ser entregue no primeiro semestre de 2024, está sendo construído na cidade o Condomínio Vida Longa, no Jaguari. As 28 casas serão destinadas a idosos, moradores de Americana, em situação de vulnerabilidade e risco social. A coordenação dos trabalhos será de responsabilidade da Secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos. O investimento é de aproximadamente R$ 4,5 milhões com execução da CDHU.

Muitas famílias foram beneficiadas com a obtenção das escrituras de seus imóveis de graça em 2023. Foram entregues 145 documentos, garantindo a posse definitiva dos imóveis, por meio do Programa Minha Escritura, que estava paralisado desde 2013. A secretaria também firmou convênio com a OAB (Ordem dos Advogados do Brasil) para orientação e possível regularização de imóveis para habitação de interesse social, com início de atendimento previsto para janeiro. O trabalho de cadastramento habitacional do município em 2023 resultou na abertura e atualização de 1.135 cadastros.

“Estamos empenhados e vamos continuar com o trabalho para unirmos esforços, junto ao prefeito Chico e o vice Odir, para realizarmos os projetos habitacionais e dar todo o suporte às famílias que sonham em conquistar sua casa própria e no desenvolvimento de ações que possam garantir a qualidade de vida à população”, concluiu Cezaretto.

A Secretaria de Habitação, em parceria com o Senac (Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial) e SENAI (Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial), também resgatou o projeto técnico social nos condomínios Vida Nova I e II, na região da Praia Azul, compostos por 896 apartamentos.

O objetivo é contemplar a realização de cursos de informática, elétrica residencial, mini-horta, entre outras atividades, visando auxiliar na estruturação das famílias. O investimento total nos projetos sociais será de R$ 87.220,00, custeado pelo Fundo de Arrendamento Residencial – Programa Minha Casa Minha Vida. O trabalho será realizado durante 12 meses.

As regiões do ASTA 1 e 4 também receberam melhorias de infraestrutura, com o investimento de R$ 1.684.000,00 para asfaltamento dos bairros, sendo R$ 1 milhão de emenda parlamentar do Delegado Olim, intermediada pelo secretário Luiz Carlos Cezaretto. A pasta também acompanhou os projetos em parceria com construtores e entidades para atendimento da lista de inscritos no Residencial Janaina (320 unidades) e Residencial Nova Aliança (530 unidades).

Receba as notícias do Todo Dia no seu e-mail
Captcha obrigatório

Veja Também

Veja Também