sábado, 20 abril 2024
EDUCAÇÃO NO TRÂNSITO

AutoBAn realiza campanha com óculos que simula embriaguez

Ação antecede as festas de réveillon e será realizada nesta quinta-feira (28)
Por
Henrique Fernandes
Foto: Divulgação/CCR AutoBAn

As férias de final de ano costumam ser muito aguardadas, especialmente para quem deseja viajar para curtir com a família. A AutoBAn, concessionária que administra os trechos das Rodovias Anhanguera e Bandeirantes na região, promove uma ação especial de conscientização sobre os perigos de misturar bebida e direção nesta quinta-feira (28).

As atividades contam com óculos simulador de embriaguez. Ele demonstra, de forma lúdica, como a bebida alcoólica afeta as percepções de distância, profundidade e velocidade, permitindo que o participante perceba alguns dos distúrbios colaterais da ingestão do que equivale a, aproximadamente, três doses de whisky, três garrafas de cerveja ou ainda quatro taças de vinho.

O óculo estará disponível no km 56 da rodovia dos Bandeirantes, sentido sul (capital) no Posto Graal, em Jundiaí. O gerente de Operações da CCR AutoBAn, Keller Rodrigues explica que durante a ação educativa, os motoristas serão convidados a realizar uma série de atividades práticas, como andar em um circuito desenhado no chão e desviar de obstáculos, utilizando os óculos simulador de embriagues da Concessionária.

“Através desta ação, queremos demonstrar aos motoristas o perigo eminente em misturar bebida e direção e que não existe menos ou mais se tratando de quantidade, pois uma simples dose, pode causar um grande acidente”, disse Keller.

Para o Brasil, a OMS (Organização Mundial de Saúde) aponta que a estimativa da contribuição do álcool para óbitos relacionados aos acidentes de trânsito (ATs) é de 36,7% e 23% para pessoas do sexo masculino e feminino, respectivamente. Embora não existam estatísticas precisas sobre o número de mortes por ATs atribuíveis ao álcool no Brasil, através destas frações atribuíveis ao álcool, o CISA (Centro de Informações sobre Saúde e álcool) estima que, em 2021, 10.877 óbitos poderiam ter sido evitados se o álcool não tivesse sido consumido.

Receba as notícias do Todo Dia no seu e-mail
Captcha obrigatório

Veja Também

Veja Também