sábado, 25 maio 2024
MAIS VIGILÂNCIA

Convênio vai ampliar fiscalização da Polícia Militar Rodoviária nas estradas paulistas

O convênio tem como principal objetivo ampliar o policiamento e a fiscalização de trânsito e transporte rodoviário, além de desenvolver estratégias para a prevenção da criminalidade
Por
Redação
Foto: Secom / Divulgação

Nesta sexta-feira (6), foi assinado um acordo de cooperação visando o aperfeiçoamento da atuação da Polícia Militar Rodoviária, por meio de ações de inteligência, com o objetivo de fortalecer o combate ao crime organizado nas rodovias de São Paulo. O convênio foi firmado entre a Secretaria da Segurança Pública (SSP) e a Secretaria de Meio Ambiente, Infraestrutura e Logística, e contou com a participação do Departamento de Estradas de Rodagem (DER) e a Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados de Transporte do Estado de São Paulo (Artesp). A cerimônia de assinatura ocorreu no Palácio dos Bandeirantes.

A parceria entre os órgãos prevê a disponibilização de hardware, software e demais estruturas tecnológicas necessárias para o desenvolvimento das atividades de policiamento e fiscalização do trânsito rodoviário. O convênio tem como principal objetivo ampliar o policiamento e a fiscalização de trânsito e transporte rodoviário, além de desenvolver estratégias para a prevenção da criminalidade nas estradas e intensificar ações de inteligência policial voltadas para a segurança viária e operações policiais planejadas no patrulhamento ostensivo.

De acordo com o secretário da Segurança Pública, Guilherme Derrite, o foco principal é combater o crime organizado e dificultar a logística do transporte de mercadorias ilícitas. O convênio permitirá que a atuação dos policiais seja ainda mais eficiente no enfrentamento dessas práticas criminosas.

A Polícia Militar Rodoviária tem desempenhado um papel crucial na apreensão de entorpecentes no Estado de São Paulo. Somente de janeiro a julho deste ano, foram retiradas de circulação 82,4 toneladas de drogas nas rodovias paulistas. Essas apreensões representam cerca de 80% do total no Estado. Além disso, os policiais rodoviários também foram responsáveis pela recuperação de cerca de 1,3 mil veículos furtados ou roubados, pela apreensão de 11,3 milhões de maços de cigarros ilegais e pela apreensão de 166 armas de fogo ilegais. Durante o mesmo período, foram realizadas 737 mil fiscalizações de veículos, resultando na autuação de 43 mil motoristas por embriaguez ao volante.

Além do convênio para aprimorar a atuação da Polícia Militar Rodoviária, a SSP celebrou a assinatura de outro convênio para a construção de um novo prédio para o Comando da Polícia Militar Rodoviária (CPRv). Com um investimento de R$ 11,2 milhões, a obra será custeada pelo DER e terá um prazo estimado de 10 meses para ser concluída. A nova sede do CPRv será localizada no mesmo endereço em que funciona atualmente o Gabinete de Treinamento do Comando de Policiamento Rodoviário.

As ações da Polícia Militar Rodoviária têm se mostrado de extrema importância para a segurança nas estradas de São Paulo. O trabalho dos policiais resultou na prisão de 1,6 mil pessoas em flagrante delito e na captura de 471 procurados. Esses resultados são fruto das fiscalizações realizadas em todo o estado. Através dessas ações, foram confiscados R$ 1,5 milhão sem procedência e recuperados 1,3 mil veículos furtados ou roubados.

A assinatura do convênio e da ordem de serviço para a construção do novo prédio contou com a presença do comandante da Polícia Militar do Estado, coronel Cássio Araújo de Freitas, e do superintendente do DER, Sérgio Codelo. Essas ações refletem o compromisso do Estado de São Paulo em combater a criminalidade e garantir a segurança nas estradas.

Receba as notícias do Todo Dia no seu e-mail
Captcha obrigatório

Veja Também

Veja Também