Domingo, 16 Janeiro 2022

GM vai fechar o cerco contra aglomerações e a falta de máscara em Hortolândia

GM vai fechar o cerco contra aglomerações e a falta de máscara em Hortolândia

A Guarda Municipal vai apertar o cerco contra aglomerações e o uso de máscara em Hortolândia. Depois de ter dispersado festa baile funk em chácara na

A Guarda Municipal vai apertar o cerco contra aglomerações e o uso de máscara em Hortolândia. Depois de ter dispersado festa baile funk em chácara na Estrada do Furlan em plena segunda-feira (20), a corporação anunciou pacote de medidas junto ao prefeito Angelo Perugini (PDT), durante live do chefe do Executivo nesta quarta-feira (22). 

Segundo a comandante da Guarda, Michele Cardena Quinte, o aumento de ocorrências de aglomerações e perturbação de sossego motivou o pacote de medidas mais firmes contra as irregularidades durante a pandemia. Michele revelou que a média de ocorrências de perturbação por mês em Hortolândia é de 150 atendimentos da Guarda. 

"Só em julho já tivemos 300, o dobro e nem acabou o mês. De 17 a 20 de julho foram 90 ocorrências. E os números são muito maiores se levarmos em conta as ligações para a Guarda. É muita coisa", destaca. 

A comandante avaliou que a mudança da fase vermelha para a fase laranja foi o divisor do relaxamento. A região então voltou à fase vermelha. 

"A gente acredita que começaram a relaxar e as festas começaram a acontecer em chácara de aluguel, lotadas", afirmou. 

Ao lado do prefeito, a comandante da Guarda anunciou reforço nas multas de festas. Atualmente o proprietário do local onde uma festa for flagrada é multado em R$ 3,5 mil, por perturbação de sossego, segundo decreto municipal. 


"Vai ter também a multa estadual da fiscalização, que é de R$ 5 mil para o proprietário, e será lacrada a chácara. Estabelecemos ainda uma multa de mil reais por veículo que estiver nas aglomerações ao proprietário do estabelecimento", listou Michele. 

Perugini argumentou sobre o reforço das medidas. "Se não formos severos agora, vamos prolongar a quarentena por mais tempo. Se formos duros conosco mesmo, vamos colher o fruto lá na frente. A Guarda pode agir que a prefeitura vai dar cobertura", endossou. 

"Será atribuída multa a quem tiver sem máscara também. É um pacote de medidas mais fortes, pedimos a colaboração de todos. Não temos desejo de multar como falam. Desejamos que não tenha aglomeração", desabafou Michele. 

A comandante citou decreto municipal da multa do uso de cerol, que diminuiu o número de ocorrências desta natureza, como exemplo de repercussão positiva a medidas mais fortes. 

Durante a live, foram exibidos dados de pacientes com coronavírus já recuperados. Segundo a prefeitura, na RMC (Região Metropolitana de Campinas) a taxa é de 76% dos infectados já recuperados. Em Hortolândia a porcentagem é de 91%. 

"Esse número indica que o isolamento ajudou a criar resistência e salvar muitas pessoas. Saíram estudos apontando que o isolamento faz com que a pessoa se proteja e tenha evolução melhor se for contaminada", completou o prefeito. 

 

Comentários:

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Acesse sua conta
Visitante
Domingo, 16 Janeiro 2022

Ao aceitar, você acessará um serviço fornecido por terceiros externos a https://tododia.com.br/