sábado, 15 junho 2024

IBGE: seleção é recenseadores é simplificada e 160 vagas são abertas na região

 Confira os endereços que os interessados devem procurar em Americana, Nova Odessa e Santa Bárbara

Os interessados devem ter no mínimo 18 anos, ensino fundamental completo, estar em dia com as obrigações eleitorais e militares, e levar CPF (Foto: Divulgação)

O IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) simplificou o processo seletivo para novos recenseadores, com o objetivo de aumentar o número de representantes na coleta do Censo 2022, prorrogado até dezembro. A partir de agora, aposentados e microempreendedores individuais poderão participar do trabalho. No total, 8.506 oportunidades estão sendo ofertadas no estado. O IBGE está disponibilizando 160 vagas na área de Americana, que compreende Santa Bárbara d’Oeste e Nova Odessa.

Os interessados devem ter no mínimo 18 anos, ensino fundamental completo, estar em dia com as obrigações eleitorais e militares, e levar CPF.

Em Americana, os interessados devem se dirigir ao Posto de Coleta IBGE, que fica na Avenida Joaquim Bôer, 733, Jardim Luciene, na FAM, até às 17h do dia 19. Em Nova Odessa, as inscrições são realizadas na Rua Rio Branco, 699, na rodoviária. Em Santa Barbara, na Rua General Couto Magalhães, 215 – Conj. Hab. 31 de Março (EMEFEI Antonia Fagnoli Furlan).

Os recenseadores devem cumprir, no mínimo, 25 horas de trabalho semanais e são remunerados de acordo com sua produtividade, a quantidade de residências visitadas e pessoas recenseadas. Além disso, a taxa de remuneração varia dependendo do setor censitário, o tipo de questionário preenchido (básico ou amostra) e o registro no controle da coleta de dados. O IBGE disponibiliza um simulador para que os interessados possam estimar quanto irão receber.

A Prefeitura de Americana tem apoiado o trabalho com a divulgação do Censo, uma vez que as equipes estão encontrando dificuldades para entrevistar a população. Os dados obtidos com a pesquisa, que é a maior do Brasil, são essenciais para que o município possa fazer o planejamento das ações de melhorias.

O IBGE e a Prefeitura reforçam a importância de os moradores receberem os recenseadores, e que responder ao Censo é direito e dever de todo cidadão brasileiro. De acordo com a Lei Federal 5.534/1968, está sujeito à multa aquele que se negar a responder.

O IBGE destaca que todas as informações são sigilosas e possuem apenas objetivos estatísticos. 

Receba as notícias do Todo Dia no seu e-mail
Captcha obrigatório

Veja Também

Veja Também