segunda-feira, 24 junho 2024
DE AMERICANA PARA ESTRELA (RS)

Maria Giovana lança campanha de arrecadação de kits escolares

Sanitarista americanense pede ajuda das escolas de Americana para o recomeço das crianças da cidade de Estrela, no Rio Grande do Sul
Por
Henrique Fernandes
Foto: Divulgação

Formada pela UFRGS (Universidade Federal do Rio Grande do Sul), a sanitarista americanense Maria Giovana está há cinco dias no Rio Grande do Sul, ajudando vítimas da pior tragédia climática do estado gaúcho. Maria Giovana lançou uma campanha para as escolas de Americana arrecadarem kits escolares aos alunos da cidade de Estrela, que tem 40 mil habitantes e teve bairros completamente varridos que não existirão mais.

Ela contou, com exclusividade à TV TODODIA, sobre a campanha. Ao todo, são necessários cerca de 1,5 mil kits escolares, sendo 1,1 mil ao ensino fundamental (mochila, lápis de cor, caderno, borracha e apontador) e 400 para a educação infantil (com chupeta e lenço umedecido). “Queremos que Americana possa adotar essa causa e as escolas de Americana possam abraçar as escolas de Estrela. Estamos lançando esta campanha para enviar o quanto antes para Estrela e essa crianças voltem com dignidade às escolas e recomecem as suas vidas (…) Conseguimos recuperar algumas escolas com a limpeza, mas eles perderam tudo”, comenta.

Após atingir o recorde histórico de 5,35 metros, o nível do Lago Guaíba, na Região Metropolitana de Porto Alegre, voltou a diminuir nesta sexta-feira (17), registrando a marca de 4,73 metros. A água baixou em várias áreas devastadas pelas enchentes, mas também diminui o número de voluntários, principalmente agora na hora da reconstrução.

“Estão falando muito que existe um boom inicial e agora a queda é tremenda, quando mais vão precisar, pois as águas estão baixando. Precisa de mutirões para limpezas e ajuda nos abrigos até que todos voltem para suas casas”, relatou Maria Giovana.

A americanense esteve até quinta-feira (16) no município de Estrela e prestou apoio nesta sexta-feira na cidade de Canoas, cidade costeira do Guaíba na divisa com Porto Alegre, explicando sobre a intenção da campanha solidária.

“Nós temos essa visão de que é importante trabalhar na recuperação imediata das escolas porque as crianças precisam de um lugar seguro com alimentação adequada. A escola é muito importante na recuperação quando se enfrenta uma situação de guerra”, complementa.

Receba as notícias do Todo Dia no seu e-mail
Captcha obrigatório

Veja Também

Veja Também