segunda-feira, 24 junho 2024

Motoboys de aplicativos organizam greve em Americana e região

 Ação acontece no dia 25 de janeiro e entregadores pedem melhores condições de trabalho

Foto: Divulgação

Os entregadores de moto de Americana e região marcaram de desligar os aplicativos de entrega, no dia 25 de janeiro. Os trabalhadores também vão estar presentes, nos pontos de coleta e escritórios do Ifood, para reivindicarem a participação da categoria na regulamentação federal, reajuste, fim das entregas múltiplas, volta do plano da bike por R$9,90 e apólice de seguro aos entregadores.

A convocação tem sido feita através de aplicativo de mensagem, desde o final do ano passado. O motoboy Anderson Gobbis Braga, conhecido como Bidu, de 35 anos, conta como é o dia-a-dia na profissão.
“O nosso trabalho é bem estressante e precarizado, às vezes, passamos de 12 a 15 horas em cima de uma moto para levar o sustento à nossa família. Só existe esse trabalho, porque tem quem precisa. É sofrido o que a gente passa. Tem caso de motoboy, que desmaiou de estresse”, explica Bidu.

A mobilização, que ocorreu pela primeira vez em julho de 2020, também acontecerá neste ano, em diversos estados e está sendo articulada pela Aliança dos Entregadores de Aplicativos (AEA), com o lema: “Parem de nos matar”. A reportagem do Todo Dia entrou em contato com a assessoria da empresa Uber e Ifood, e até o fechamento desta matéria não obteve resposta. 

Receba as notícias do Todo Dia no seu e-mail
Captcha obrigatório

Veja Também

Veja Também