domingo, 21 abril 2024
GULOSEIMAS TÍPICAS

Páscoa chegando e eu ainda não tenho chocolate

Saiba outras maneiras de celebrar a Páscoa gastando pouco
Por
Vitória Silva
Foto: Alessandro Araujo / TV TODODIA

Não é novidade que a Páscoa está se tornando uma data cada vez mais custosa para as famílias brasileiras. Afinal, a cada ano que passa, temos uma novidade de ovos de chocolate chegando às prateleiras dos supermercados. E em alguns casos, os preços chegam a assustar. O problema fica ainda maior quando você quer presentear familiares e amigos.

De acordo com pesquisa feita pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (FIPE), este ano, os ovos de Páscoa subiram em média 10,3% em relação ao ano passado.

Foto: Alessandro Araujo / TV TODODIA

A TV TODODIA conversou com o Diretor do Procon de Americana, Estevão Luis Cardoso que explicou sobre os estabelecimentos comerciais não terem um preço tabelado para a venda dos Ovos de Páscoa. “Não existe tabelamento de preço nos supermercados, cada lugar pode praticar o preço correspondente. Mas geralmente, os produtos que são de fabricantes famosos e marcas maiores, eles tem mais ou menos o mesmo valor no mercado, por conta que é uma sugestão do fabricante”, explica o Diretor do Procon.

Para manter uma tradição e não deixar a Páscoa passar em branco, existem diversas opções para quem não quer gastar muito comprando os ovos de chocolate. “Às vezes você vai comprar no estabelecimento comercial, está um pouco caro e para acabar não passando em branco, a sugestão é o ovo caseiro, que o pessoal faz ou então você mesmo fabrica, também é uma sugestão muito boa para celebrar”, disse Estevão Cardoso.

O empresário do ramo de Indústria Alimentícia, Valter Marostica tem uma empresa de produtos para festas e conta que cerca seis anos começou a fabricar cascas prontas de ovos de páscoa, para o consumidor que deseja gastar pouco.

“Fora as lojas, nós temos também a fabricação própria e com um tempo começamos a fornecer para alguns clientes que fabricavam ovos de páscoa para revenda, então, resolvemos expandir depois de algum tempo, devido à demanda. E surgiu a ideia de fazer, começar a colocar nas caixinhas prontas de tamanhos padronizados e isso facilita muito, a pessoa leva e é bem mais acessível comprar ovo pronto. E vai da criatividade da pessoa fazer recheado, montar o ovo inteiro, fazer metade ovo de colher e é bem legal porque facilita demais”, explica o empresário Valter Marostica.

Para os consumidores que se deparar com alguma irregularidade na venda do produto, Estevão orienta procurar o Procon, que fica localizado na Avenida Brasil, dentro da Prefeitura de Americana. O horário de atendimento é das 09h às 16h. E o telefone para contato é 151.

Receba as notícias do Todo Dia no seu e-mail
Captcha obrigatório

Veja Também

Veja Também