quinta-feira, 25 julho 2024

Corte emergencial de árvore interdita acesso a Paulínia por três dias

Bloqueio na Rodovia Professor Zeferino Vaz (SP-332) teve início hoje (23); previsão é que liberação ocorra até sexta

Segundo a Concessionária, a interdição é necessária para a segurança dos motoristas (Foto: Divulgação)

A Concessionária Rota das Bandeiras, empresa responsável pela administração do Corredor Dom Pedro, fez nesta terça-feira (23) a interdição emergencial do acesso a Paulínia pelo km 121 da Rodovia Professor Zeferino Vaz (SP-332) para a remoção de uma árvore de grande porte com risco de queda. A previsão é de que o acesso permaneça interditado até a próxima sexta-feira (26).

Com o bloqueio na altura do Trevo do Laranjão, motoristas que trafegam pela pista sentido Cosmópolis têm a opção de fazer o retorno ou mesmo acessar Paulínia pelo km 126, no acesso à Avenida Roberto Moreira.

A região registrou congestionamento no período da tarde e a previsão da Concessionária é de que haja lentidão no trecho nos próximos dias, sobretudo no período da tarde, horário de maior movimento pela pista norte da Zeferino Vaz.

Segundo a Concessionária, a interdição é necessária para a segurança dos motoristas e “não medirá esforços para liberar o tráfego o mais rapidamente possível”.

Um incêndio na tarde de domingo (21) danificou a estrutura da árvore e, na noite de segunda-feira, um dos galhos caiu sobre a via, sem atingir nenhum veículo. Após verificação da equipe de Meio Ambiente da Rota das Bandeiras e de órgãos como a Defesa Civil, Corpo de Bombeiros e Secretaria do Meio Ambiente de Paulínia, foi constatada a necessidade de remoção completa da árvore, com cerca de 20 metros de altura. Além da equipe da Concessionária, a CPFL auxilia no corte, já que parte da árvore está sobre a fiação elétrica. 

Receba as notícias do Todo Dia no seu e-mail
Captcha obrigatório

Veja Também

Veja Também