quinta-feira, 18 julho 2024

Rodovia Anhanguera foi bloqueada na noite desse domingo (8), em Limeira

 Bolsonaristas interditaram o trecho após atos terroristas em Brasília (DF). Concessionária liberou via na madrugada desta segunda (9)

 Um trecho da Rodovia Anhanguera, na cidade de Limeira (SP) foi bloqueado nesta noite de domingo (8). O bloqueio aconteceu às 20h30 e durou cerca de cinco horas até a liberação da via. A ação ocorreu após os atos terroristas e a invasão do Congresso Nacional, do Palácio do Planalto e do Supremo Tribunal Federal (STF) em Brasília.

Segundo a Autoban, concessionária responsável pela rodovia, os bloqueios aconteceram no km 148 e afetaram o trafego nos dois sentidos, sendo encerrado às 1h30 da manhã.
De acordo com a Polícia Militar Rodoviária (PMR), uma faixa em cada sentido era permitido a circulação de carros e ônibus, mas era impedido o tráfego de caminhões.

Em torno das 22h25 o congestionamento atingia 3km.

Atos em Brasília

Diversos bolsonaristas usaram suas redes sociais para expor os atos golpistas realizados ontem em Brasília. Um deles, identificado como Symon Patriota é de Campinas.

Em um dos vídeos ele sobe a rampa do Congresso e enquanto professe palavras de ordem diz “Brasília está sendo tomada pela cidade de Campinas, pelos patriotas, essa rampa nunca foi da esquerda”.

Symon se apresenta em seu perfil como “Bolsonarista patriota que foi convocado para salvar a nossa nação” e como um dos organizadores do acampamento bolsonarista que bloqueia uma avenida ao lado da Escola de Cadetes de Campinas que contestam o resultado das eleições.

Ainda em suas redes sociais, ele divulga contatos para contribuições via PIX.

Caravanas de Campinas rumo ao distrito Federal saíram da cidade na sexta-feira (6), intitulada “Tomada de Brasília”, organizadas pelas redes sociais.

Receba as notícias do Todo Dia no seu e-mail
Captcha obrigatório

Veja Também

Veja Também